Procon notifica McDonald's por McPicanha sem picanha; Conar investiga
Reprodução/YouTube - 20.04.2022
Procon notifica McDonald's por McPicanha sem picanha; Conar investiga

O Procon-SP notificou o McDonald's nesta quinta-feira (28) pedindo explicações sobre a nova linha de sanduíches McPicanha. Na semana passada, a rede de fast food  admitiu ao iG que  o hambúrguer não possui picanha em sua composição.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia

Na ocasião, o McDonald's confirmou que o hambúrguer utilizado no McPicanha é feito "100% de carne bovina, produzido com um blend de cortes selecionados e no maior tamanho oferecido pela rede atualmente". O grande diferencial da linha, na verdade, é o molho sabor picanha, que possui aroma natural do corte de carne.

A informação veio à tona após uma publicação da página "Coma Com Os Olhos" no Instagram. Na rede social, a página afirmou que a carne de picanha, utilizada pelo McDonald's em anos anteriores, foi descontinuada.

O publicitário Itamar Taver, dono da conta, descobriu que os lanches não possuem picanha em um grupo com funcionários da rede de fast food no Facebook. Em publicações sobre o tema, os trabalhadores contaram que a carne utilizada era a mesma de outros sanduíches da rede, diferentemente do que já aconteceu em anos anteriores.

Um documento interno divulgado pelo "Coma Com Os Olhos" revela que os funcionários foram instruídos a utilizarem a carne da linha Tasty nos sanduíches da linha McPicanha.

O McDonald's não confirmou ao portal iG se houve uma mudança nos sanduíches de picanha lançados neste ano em comparação com os oferecidos nos anos anteriores. Apesar disso, as peças publicitárias da marca revelam as diferenças.

Em 2019, quando lançou o McPicanha, ela escrevia "Feito com Picanha" em seus banners e vídeos de divulgação online. Quando o sanduíche foi relançado neste ano, o selo "Feito com Picanha" não foi inserido nas propagandas.

Além do nome da linha, porém, a menção ao corte de carne aparece em outros momentos das peças publicitárias, em expressões como "picanhamente delícia".

Leia Também

O Procon-SP exige que o Mc Donald's "apresente a tabela nutricional dos sanduíches, atestando a composição de cada um dos ingredientes (carne, molhos, aditivos, dentre outros) e documentos que comprovem os testes de qualidade realizados, demonstrando o processo de manipulação, acondicionamento e tempo indicado para consumo".

Também foi solicitado que a marca "apresente os gabaritos das embalagens utilizadas para acondicionamento dos produtos nas lojas físicas para consumo imediato e para entrega e cópia dos materiais publicitários e das mídias de divulgação da linha de 2022".

Leia Também

Além disso, pede informações sobre "a campanha imediatamente anterior dos sanduíches com a presença de "sabor acentuado de churrasco e/ou picanha", veiculados nos meios de comunicação e nas redes sociais pela empresa e por parceiros".

O Procon-SP quer ainda que "a rede envie os documentos de autorização de comercialização dos produtos junto aos órgãos oficiais competentes, bem como dos termos das respectivas campanhas publicitárias vinculadas".

O McDonald's tem até o dia 2 de maio para responder à notificação.

Conar investiga o caso

O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) também está investigando o caso. O órgão confirmou à reportagem que abriu um processo ético na terça-feira (26) para "verificar a veracidade da mensagem publicitária" da linha McPicanha.

O julgamento leva, em média, 45 dias para ser concluído pelo Conar, que afirmou que só faz comentários sobre casos após o trânsito em julgado.

O processo foi aberto após uma reclamação feita junto ao órgão por Itamar Taver.

A falta de picanha no novo sanduíche do McDonald's levou o nome da marca aos assuntos mais comentados do Twitter nesta quinta-feira (28).

Procurado pela reportagem, o McDonald's disse que "está trabalhando para esclarecer os questionamentos levantados pelo Procon, dentro do prazo concedido". Confira a nota:

"A rede esclarece que a plataforma recém-lançada denominada 'Novos McPicanha' tem esse nome justamente para proporcionar uma nova experiência ao consumidor, ao oferecer sanduíches inéditos desenvolvidos com um sabor mais acentuado de churrasco. Para isso, os lançamentos trazem a novidade do exclusivo molho sabor picanha (com aroma natural de picanha), uma nova apresentação e um hambúrguer diferente em composição e em tamanho (100% carne bovina, produzida com um blend de cortes selecionados e no maior tamanho oferecido pela rede atualmente). A empresa já está trabalhando para esclarecer os questionamentos levantados pelo Procon, dentro do prazo concedido. A marca lamenta que a comunicação criada sobre os novos produtos possa ter gerado dúvidas e informa que novas peças, destacando a composição dos sanduíches de maneira mais clara, já estão sendo produzidas".

Na sexta-feira (29), a rede decidiu tirar os sanduíches do cardápio .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários