Tamanho do texto

Consultoria aponta atitudes para quem quer assumir uma nova carreira em 2020: cursos na área, mudar o currículo e networking estão entre elas

funcionária feliz arrow-options
shutterstock
Retomada na economia pode moivar uma mudança de carreira em 2020

Depois de  chegar a um contingente de 13,5 milhões de desempregados no primeiro trimestre de 2017, segundo o IBGE, o Brasil começa a apresentar sinais de recuperação na economia

O número de desempregados no trimestre terminado em outubro deste ano é de 12,4 milhões, ainda de acordo com o IBGE, e nos dez primeiros meses de 2019, o saldo de empregos formais é positivo em 841,5 mil vagas.

5 dicas de ouro para se dar bem em uma entrevista por vídeo

Muitas vezes, porém, essas oportunidades não estão no mercado de atuação de quem ainda busca por uma oportunidade ou não vê muito futuro no emprego atual. 

Por isso, mudar de carreira tem se tornado uma alternativa para um número cada vez maior de pessoas.

Um levantamento da empresa de tecnologia Hotmart de setembro deste ano apontou algumas profissões que estarão em alta no ano que vem como: desenvolvedor de software, especialista em experiência, digital influencer, professor on-line, coach, profissional de marketing digital são alguns exemplos.

Melhor não: 4 perguntas que nunca devem ser feitas em uma entrevista de emprego

Mas como fazer essa migração?

O grupo suíço de consultoria em Recursos Humanos  Adecco levantou 6  atitudes básicas  para quem, com um bom planejamento, pretende iniciar um nova carreira em 2020.

Passo 1

Saber quais os requisitos necessários do novo setor e se capacitar neles. A consultoria observa que a oferta de recursos para capacitação aumentou muito nos últimos anos e vale a pena aproveitar aqueles disponíveis na internet, em organizações e instituições voltadas para o setor escolhido. 

Passo 2

Busque alguma experiência na nova área , seja como colaborador pontual, estagiário ou simplesmente voluntário. São formas de criar experiência no novo campo de interesse. Não tenha medo de arriscar e procurar empresas ou instituições que atuam no novo ramo.  

Passo 3

Invista em uma nova rede de contatos . Além de procurar empresas, busque profissionais do novo mercado de interesse que você admira ou se identifica. Eles podem oferecer dicas valiosas.

As 5 perguntas mais difíceis de uma entrevista de emprego: saiba o que responder

Passo 4

Mostre-se! Participar de fóruns, conferências ou eventos de networking ajuda a estabelecer relações com outros profissionais que partilham os mesmos interesses e, claro, podem render indicações.

Passo 5

Mude seu currículo . Se a ideia é atuar em uma nova área, não adianta apresentar um currículo antigo. Um bom começo é adaptar as suas cartas de apresentação , currículos e perfis online incluindo seu novo objetivo profissional. Lembre-se de também reformular as palavras-chave no seu perfil.

Passo 6

Quando estiver preparado, busque as empresas mais relevantes do novo setor.  A auto-candidatura é uma ferramenta importante para quem está entrando em uma nova área. Invista em uma boa comunicação para iniciar a nova vida profissional.