Caio Paes de Andrade, indicado para presidente da Petrobras
Reprodução
Caio Paes de Andrade, indicado para presidente da Petrobras

O Ministério de Minas e Energia anunciou na noite desta segunda-feira (23) a demissão de mais um presidente da Petrobras . Após 40 dias no cargo, José Mauro Ferreira Coelho foi dispensado na terceira troca de presidente durante o governo Bolsonaro. 

Para substituir de José Mauro Coelho, o governo decidiu indicar Caio Mário Paes de Andrade, auxiliar do ministro Paulo Guedes no Ministério da Economia. O novo presidente é membro dos conselhos de administração da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) e da PPSA (Pré-Sal Petróleo).

O nome de Paes será agora apresentado ao Conselho de Administração da Petrobras e precisará ser aprovado em assembleia. 

Essa foi a terceira troca no comando da Petrobras durante o governo do presidente Jair Bolsonaro (PL). Roberto Castello Branco e Joaquim Silva e Luna também foram demitidos do da presidência da estatal nos últimos quatro anos.

Em nota, o Ministério de Minas e Energia destaca que fatores geopolíticos impactam o preço da gasolina e do diesel, e que é preciso fortalecer a capacidade de investimento do setor privado para que para que sejam mantidas as condições de crescimento de emprego e renda dos brasileiros.

O comunicado do Ministério ressalta também que Paes de Andrade reúne todas as qualificações necessárias para liderar a petrobras e enfrentar os desafios que a atual conjuntura impõe.

"O indicado reúne todos as qualificações para liderar a Companhia a superar os desafios que a presente conjuntura impõe, incrementando o seu capital reputacional, promovendo o continuo aprimoramento administrativo e o crescente desempenho da Empresa, sem descuidar das responsabilidades de governança, ambiental e, especialmente, social da Petrobras."

Leia abaixo a íntegra da nota do Ministério de Minas:

O Governo Federal, como acionista controlador da Petróleo Brasileiro S.A. – Petrobras, participa que decidiu promover alteração da Presidência da Empresa.

O Governo consigna ao Presidente José Mauro os agradecimentos pelos resultados alcançados em sua gestão, frente a Petrobras. O Brasil vive atualmente um momento desafiador, decorrente dos efeitos da extrema volatilidade dos hidrocarbonetos nos mercados internacionais.

Adicionalmente, diversos fatores geopolíticos conhecidos por todos resultam em impactos não apenas sobre o preço da gasolina e do diesel, mas sobre todos os componentes energéticos. Dessa maneira, para que sejam mantidas as condições necessárias para o crescimento do emprego e renda dos brasileiros, é preciso fortalecer a capacidade de investimento do setor privado como um todo. Trabalhar e contribuir para um cenário equilibrado na área energética é fundamental para a geração de valor da Empresa, gerando benefícios para toda a sociedade.

Assim, o Governo Federal decidiu convidar o Sr Caio Mário Paes de Andrade para exercer o Cargo de Presidente da Petrobras. O Sr Caio Paes de Andrade é formado em Comunicação Social pela Universidade Paulista, pós-graduado em Administração e Gestão pela Harvard University e Mestre em Administração de Empresas pela Duke University.

Portanto, o indicado reúne todos as qualificações para liderar a Companhia a superar os desafios que a presente conjuntura impõe, incrementando o seu capital reputacional, promovendo o continuo aprimoramento administrativo e o crescente desempenho da Empresa, sem descuidar das responsabilidades de governança, ambiental e, especialmente, social da Petrobras.

Por fim, o Governo renova o seu compromisso de respeito a governança da Empresa, mantendo a observância dos preceitos normativos e legais que regem a Petrobras.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários