Adriano Pires, futuro presidente da Petrobras
Pedro França/Agência Senado
Adriano Pires, futuro presidente da Petrobras

O presidente Jair Bolsonaro conversou com apoiadores nesta terça-feira (29) e foi perguntado sobre a troca no comando da Petrobras. Inicialmente, se negou a responder, e depois disse que é um procedimento "de rotina". Nesta segunda (28), Bolsonaro resolveu demitir Joaquim Silva e Luna e indicar o economista Adriano Pires para o comando da estatal. 

Bolsonaro também criticou os impostos cobrados por governadores sobre os combustíveis:

"Um dos vilões aqui é o ICMS", disse. "Sabe quanto é o imposto federal do diesel? É zero. Sabe quanto é o imposto federal do gás de cozinha? Zero. Eu fiz a minha parte, mas na ponta, na bomba, não baixa", completou. 

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia 

Em 11 meses da gestão do general Joaquim Silva e Luna à frente da presidência da Petrobras, os preços da gasolina e do gás de botijão subiram em média 27%. O diesel teve alta de 47% e o GNV (gás veicular) aumentou em 44%.

O presidente Jair Bolsonaro decidiu demitir Silva e Luna em meio à disparada nos preços dos combustíveis. O contexto é parecido com a demissão de seu antecessor, Roberto Castello Branco, que também saiu em meio a críticas de Bolsonaro sobre o preço dos combustíveis.

Leia Também

O indicado para a presidência da Petrobras oficialmente, Adriano Pires , já criticou o governo de Jair Bolsonaro. O economista que substituirá o atual mandatário da estatal, Joaquim Silva e Luna, disse que a gestão econômica era "refém dos caminhoneiros". 

“É impressionante, um governo que se diz tão forte, tão liberal, ficar refém dos caminhoneiros”, disse Pires .

O economista também é favorável a um subsídio temporário para os combustíveis , ideia que é rechaçada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes. 



** Luís Felipe Granado é repórter do Brasil Econômico, editoria de Economia do Portal iG, e pesquisador na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários