Brasil se recupera da crise econômica
iStock
Brasil se recupera da crise econômica

As cinco regiões do país apresentaram recuperação econômica em 2021, sendo que a maioria atingiu os níveis pré-pandemia, segundo dados divulgados pelo Banco Central nesta terça-feira (22). O Nordeste foi a única região do país que está abaixo do nível registrado economicamente em 2019.

Segundo o BC, a recuperação foi puxada pelo setor de serviços, que apresentou arrefecimento em 2020.

No caso dos estados nordestinos, embora o aquecimento de empresas de serviços, comércio e indústria apresentaram queda no último ano, provocado pela redução do poder de compra da população.

"O Nordeste também foi impactado pela interrupção (e posterior retorno) do auxílio emergencial às famílias no primeiro semestre", aponta o documento.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia

Leia Também

O segundo semestre da região Nordeste foi destaque no levantamento. A economia da região foi movimentada pela retomada da mobilidade urbana e turismo.

Para 2022, o Banco Central espera novo crescimento. Segundo a instituição, a retomada econômica, além do impulsionamento da agropecuária deverá movimentar a economia do país e o mercado de trabalho.

"Em sentido oposto, atuam a elevação dos prêmios de risco [alta nos juros futuros], relacionada à incerteza acerca do futuro do arcabouço fiscal [dúvidas sobre gastos públicos em ano eleitoral], e o aperto mais intenso das condições financeiras [taxas bancárias em alta]", informou o BC.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários