Brasil Econômico

Presidente disse que 0,1% servem para que ele opine nos planos no ministro da Economia; 'Você quer tudo para você? É muito guloso', disse
Reprodução YouTube/Jair Bolsonaro
Tarcísio Gomes de Freitas, ministro da Infraestrutura, e o presidente Jair Bolsonaro durante live nesta quinta (1)

Durante live nas redes sociais nesta quinta-feira (1), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse confiar "99,9%" no  ministro da Economia, Paulo Guedes. O presidente disse que os "0,1%" restantes seriam para que ele opine sobre as decisões do ministro.

"Paulo Guedes continua em 99,9% de confiança. Eu deixo 0,1% porque se eu quero mudar alguma coisinha, eu falo: Pô, PG, não é 100%, não... 0,1% é meu, qual é, você quer tudo para você? Você é muito guloso. Daqui a pouco você vai ficar gordo igual o Tarcísio aí, pô. Eu não quero você engordando, não, PG", disse Bolsonaro.

Preço do arroz

O presidente comentava a alta nos preços de alimentos, citando o problema do arroz.

"Alguns falam que tem que tabelar (preços de alimentos). Não vai tabelar. A gente sabe o que acontece com tabelamento, olha a Venezuela. No Brasil, enfrentamos outros planos onde houve tabelamento. O que aconteceu? Some do mercado. Então a nossa política é livre mercado, seguir a linha do Paulo Guedes ", afirmou o presidente.

Bolsonaro argumentou na live que houve uma corrida aos supermercados durante a pandemia, que fez com que o preço do arroz subisse. "Resolvemos importar 400 mil toneladas de arroz, acho que vem dos Estados Unidos", disse.

    Veja Também

      Mostrar mais