Tamanho do texto

Em 2016, captação dos projetos selecionados pela BM&F Bovespa para BVSA foi de R$ 1,5 milhão; Resultado de 100% para 13 das 20 iniciativas

Brasil Econômico

Investimentos em projetos selecionados pela Bovespa tem valor inicial de R$ 20
iStock
Investimentos em projetos selecionados pela Bovespa tem valor inicial de R$ 20

Na última quarta-feira (20), foram escolhidos os 20 projetos que integrarão a carteira da Bolsa de Valores Socioambientais (BVSA) neste ano.  Em parceria com a organização sem fins lucrativos BrazilFoundation, a BM&F Bovespa reafirma o seu compromisso com a Organização das Nações Unidas (ONU) por meio de ações que incentivam uma cultura socioambiental nas instituições e que se alinham aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Leia também: BM&F Bovespa promove projeto para diminuir impactos ambientais

Os projetos selecionados, distribuídos em todas as regiões brasileiras e com diferentes temáticas, ficarão listados na Bolsa por um ano. Vale lembrar que as iniciativas são escolhidas por uma comissão composta pelo superintendente e um diretor executivo da BM&F Bovespa , além de um representante do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

De acordo com o diretor presidente da BM&FBOVESPA, Edemir Pinto, “este evento marca a união entre o mercado de capitais e o desenvolvimento social”. Já para a presidente e CEO da BrazilFoundation, Patricia Lobaccaro, “com as 20 novas organizações listadas, a coragem que têm, sobretudo a ousadia de acreditar, podem fazer com que o Brasil seja um País melhor e mais justo”.

Resultados

Em 2016, os 20 projetos listados captaram cerca de R$ 1,5 milhão. Em relação a Plataforma da BVSA, o resultado foi de 100% da meta para 13 projetos e 50% para os outros 7.

Leia também: Veja as vantagens de investir seu FGTS em Tesouro Direto

Projetos listados em 2017:

  1. Bem Morar -  Associação Ateliê de Ideias
  2. Caravana da Cidadania - Ação Cearense de Combate a Corrupção e IMPUNIDADE (ACECCI)
  3. Casa Geração - Moda Fusion
  4. Convexolab - Associação Cultural Vila Flores (ACVF)
  5. Criação de Galinhas Caipiras Sustentável - Associação Escola Família Agroecológica do Macacoari (AEFAM)
  6. Cuidando de Quem Cuida - Casa da Árvore
  7. Florestas para Água -  Associação Amigos de Iracambi
  8. Galpão Aplauso: Formação Profissional de Jovens de Baixa Renda para o Mercado Industrial - Instituto Stimulu Brasil
  9. Iluminando Amazonas - Litro de Luz Brasil
  10. Mangueira Beleza - Instituto Profissionalizante Mangueira
  11. Palmaslab: Inovação e Pesquisa na Periferia Urbana - Instituto Banco Palmas (Instituto Banco da Periferia)
  12. Programa Operando na Amazônia - Associação Expedicionários da Saúde (EDS)
  13. Projeto Douradinho - Instituto Pelo Bem do Planeta
  14. Promoção da Saúde das Mulheres - Rede Postinho de Saúde   
  15. Recicla Jeans - Florescer (Associação Nadia R. Bacchi)
  16. Sementinha: A Escola Debaixo do Pé de Manga -  Centro Popular de Cultura e Desenvolvimento (CPCD)
  17. Solidariedade na Marmita - Associação Vida em Ação
  18. Spectaculu em 5 minutos - Escola Fábrica de Espetáculos
  19. Tupana - Lendas, Madeira, Palha e Memória - Casa do Rio
  20. Viver no Quilombo - Associação dos Pequenos Produtores Rurais São José do Baixio

Contribuição

A Bovespa informa que para se tornar um “investidor socioambiental”, é necessário a realização de um cadastro no portal da BVSA . Com isso, basta escolher os projetos que deseja contribuir, construindo assim a carteira de doações. Os valores de contribuição são a partir de R$ 20, com pagamento via cartão ou boleto bancário.

Leia também: Leilão de aeroportos: Governo estima investimento superior a R$ 6 bilhões

    Leia tudo sobre: Bovespa