IBGE divulgou Pnad hoje
MARCELLO CASAL JR./AGÊNCIA BRASIL
IBGE divulgou Pnad hoje

A taxa de desemprego no Brasil ficou em 11,2% no trimestre encerrado em fevereiro. Ao todo, são 12 milhões de brasileiros em busca de uma oportunidade.

Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) e foram divulgados nesta quinta-feira (31) pelo IBGE.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia 

O resultado do trimestre móvel aponta para uma melhora em relação ao contingente de desempregados. No trimestre encerrado em novembro, que serve base de comparação, a taxa de desemprego estava em 11,5%.

Mas o alívio no mercado de trabalho perdeu fôlego. O número total de ocupados no país ficou em 95,2 milhões, estável em relação ao trimestre anterior.

O rendimento médio do trabalhador brasileiro ficou em R$ 2.511 em fevereiro, também estável na comparação trimestral e com uma queda de 8,8% na comparação anual.

Leia Também

Melhora lenta do emprego

Economistas destacam que a recuperação do mercado de trabalho deve perder força em 2022 diante da inflação persistente, juros altos, perspectiva de baixo crescimento da economia, além de impactos na economia global da guerra na Ucrânia.

Fome, exaustão e bloqueios de Apps: A dura vida de entregadores no Brasil chama atenção do mundo

O Indicador Antecedente de Emprego (IAEmp), do Ibre/FGV, do mês de março, só será divulgado na próxima semana. Mas a perspectiva desde a última divulgação não é animadora.

O indicador cedeu 1,4 ponto em fevereiro, para 75,1 pontos. É a quarta queda seguida, levando o índice ao menor nível desde agosto de 2020 (74,8 pontos), indicando uma melhora lenta do emprego.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários