Cenoura é o alimento que mais subiu de preço
Reprodução
Cenoura é o alimento que mais subiu de preço

O que o consumidor já percebeu nas gôndolas dos supermercados e à mesa do restaurante, o IBGE comprovou. O preço da cenoura disparou em fevereiro, com alta de 55%, e já dobrou de preço em 2022.

Foi o alimento com maior alta no mês passado, mostrou o resultado do IPCA, índice de inflação usado nas metas do governo, que avançou 1,01% em fevereiro.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia 

O quilo da cenoura já chegou a superar R$ 12 em algumas capitais, o tubérculo ficou mais raro no cardápio de restaurantes e virou meme nas redes sociais.

Nas estatísticas da inflação, a alta foi de 98,36% este ano. É de longe o maior aumento entre os alimentos.

A batata-inglesa já subiu 35,41%, as hortaliças e verduras tiveram alta de 24,77% e o pó de café, de 7,38%.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários