Caixa libera saque de parte do FGTS para moradores de Petrópolis
Guito Moreto / Agência O Globo
Caixa libera saque de parte do FGTS para moradores de Petrópolis

A Caixa Econômica Federal anunciou, nesta quinta-feira (17), que vai liberar o saldo do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para parte dos moradores de Petrópolis (RJ), atingida pelas fortes chuvas da última terça-feira . O valor liberado, em caso de calamidade pública, é de R$ 6.220.

O banco também vai enviar um caminhão-agência à cidade, para o atendimento da população. Além disso, aqueles com contrato habitacional podem solicitar uma pausa de 90 dias no pagamento do financiamento.

Saque do FGTS

A solicitação poderá ser feita pelo aplicativo FGTS, na opção "Meus saques", sem necessidade de comparecer a uma agência. Vale lembrar muitos serviços bancários foram suspensos na cidade por conta de falta de luz e de serviços de telecomunicações, além da destruição das instalações por causa das chuvas. Ao registrar o pedido, o interessado vai identificar uma conta da Caixa ou de outra instituição financeira para receber o depósito, sem nenhum desconto de taxa ou tarifa.

De acordo com o banco, parte da cidade de Petrópolis já está habilitada a solicitar saque-calamidade do FGTS, até o dia 2 de maio. Mas os moradores das novas áreas afetadas, cujos endereços venham a ser identificados pela Defesa Civil Municipal, também poderão solicitar a retirada.

Caberà à Defesa Civil local, portanto, entregar a Declaração das Áreas Afetadas e o Formulário de informação do Desastre (Fide) à instituição financeira. O banco auxiliará o município no envio da documentação necessária para a habilitação ao saque-calamidade do FGTS.

Caminhão-agência

Um caminhão que oferece os serviços de uma agência bancária está sendo deslocado para a região. A unidade vai funcionar das 8h às 18h, para desbloquear cartões e senhas, além de atender beneficiários do Auxílio Brasil, do abono salarial do PIS/Pasep, cotistas do FGTS e mutuários.

A unidade móvel, segundo a instituição financeira, conta também com caixa eletrônico para saques em espécie.

O Caixa Tem e o app FGTS também são alternativas de atendimento aos clientes, nas áreas onde há sinais de telefonia e internet.

Prestação do financiamento imobiliário

A Caixa permite aos mutuários das áreas atingidas pelas chuvas solicitar uma pausa de até 90 dias no pagamento das parcelas do financiamento imobiliário. Vale reforçar que, neste caso, as prestações não pagas são incorporadas no saldo devedor.

Para pedir a pausa no financiamento, é preciso baixar o aplicativo de habitação da Caixa e clicar na opção "Solicitar pausa emergencial". Depois, o interessado precisa ler as orientações e clicar em "Próximo" para informar os dados solicitados.

Outra opção é fazer contato pelo telefone 0800-104-0104, tendo em mãos os documentos pessoais e o contrato.

Leia Também

Leia Também

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia.

Seguro

O banco ainda informou que dará suporte aos clientes que precisarem acionar o seguro habitacional.

Neste caso, haverá prioridade na análise e na aprovação, com o pagamento de indenizações nos processos de até R$ 10 mil em dois dias úteis, bastando enviar orçamento e fotos do imóvel.

Por fim, a Caixa informou que realizará uma pausa no financiamento para hospitais da região.

Centrais de atendimento (incluindo seguros)

Caixa Seguradora: 0800-702-4000 – Digite o número do CPF, a opção 0 e depois a opção 5. Para sinistros: 0800-722-2492

Caixa Residencial - serviço de assistência com atendimento 24 horas: 0800-722-4926. Para sinistros: 0800-722-4923

Central de atendimento para seguro de vida - Caixa Vida e Previdência: 0800-702-4000 – Digite o número do CPF e a opção 3. Para sinistros: 0800-722-2492

WhatsApp da Caixa: 800-104-0104

Site da Caixa: caixa.gov.br/atendimento

Redes sociais da Caixa: www.twitter.com/caixa; www.facebook.com/caixa; www.instagram.com/caixa; www.youtube.com/canalcaixa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários