Ceia de Natal custa em média R$ 268,45, aponta ABRAS
Reprodução: ACidade ON
Ceia de Natal custa em média R$ 268,45, aponta ABRAS

A cesta de Natal deste ano no Brasil custa na média R$ 268,45. O resultado foi apontado pela Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS), que fez um levantamento dos 10 produtos típicos da ceia de Natal do brasileiro. O Sudeste ficou com a cesta mais barata (R$241,39), seguido pelo Nordeste (R$ 264,79), Sul (R$ 267,31), Centro-Oeste (R$ 271,64), e Norte (R$ 297,12). Foram avaliados os preços das aves natalinas, lombo, pernil, peru, tender, azeite, sidra, espumante, panetone e bombom.

O preço da ave natalina no Sudeste pode variar de R$ 13,98 a R$ 29,90, uma diferença de 114%, de acordo com a marca do produto. No centro-oeste, apesar da variação de preços ser menor, 106%, o quilo da ave natalina chega a R$ 32,99. ‘Pesquisar é fundamental para conseguir os preços mais baixos’, afirma Marcio Milan, vice-presidente da associação.

Para quem não dispensa o peru, o número de marcas do produto no Brasil varia de 3 a 5. O preço mínimo é de R$ 21,48, registrado no Sul do país. O peru mais caro foi encontrado no Norte, com valor que chega a R$ 34,88 e um preço médio de R$ 27,93.

O lombo tem o preço médio de R$ 33,42, e o tender é a carne mais cara da ceia de natal, com o preço do quilo de R$ 61,17 na média nacional. A variação, dependendo da marca do produto e da região pode chegar a 127%, caso da região Sudeste onde podem ser encontradas 27 preços em 14 marcas diferentes. No Centro-Oeste, a variação é bem menor, 8%, com preços que variam entre R$ 59,95 e R$ 64,98.

De acordo com a ABRAS, a grande quantidade de marcas no Sudeste é vista como a principal razão pelos preços mais em conta da cesta natalina. ‘Quanto mais marcas, melhor para o bolso do brasileiro’, avalia Milan.

Norte e sul lideram com os preços mais altos do azeite, com valores médios de R$ 28,14 e R$ 27,53 respectivamente. Mesmo com a maior variação de preços, 106%, o Sudeste com 37 marcas e 61 valores diferentes, tem o azeite mais barato, R$ 23,13 na média.

O consumidor pode pagar R$ 9,75 pelo panetone se comprar no Sul do país. No Sudeste são oferecidas 21 marcas do produto e o preço pode chegar a R$ 25,99. A variação média do panetone é de 119% no Brasil.

O brinde com espumante também ficou mais caro no Norte, que vai pagar R$ 46,30 em média pela bebida. Em seguida, os maiores preços do espumante foram encontrados no Centro-Oeste (R$ 36,72), Nordeste (R$ 34,97), Sul (R$ 33,06) e Sudeste (R$ 28,39). Mais uma vez, o número de marcas contribuiu para diminuir o preço do produto. O Sudeste, com menor valor, oferece 22 marcas e mais de 77 preços diferentes da bebida.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários