Tesla
Kaique Lima
Tesla

Erica Cloud é a segunda funcionária a processar a montadora Tesla por assédio sexual e também acusa a companhia de manter um ambiente de trabalho abusivo. A trabalhadora da linha de diz que seu ex-gerente cometeu abusos “contínuos e generalizados”, de acordo com um processo aberto em um tribunal da Califórnia, informou a Reuters.

Poucas semanas antes, Jessica Barraza entrou com um processo semelhante alegando "assédio sexual desenfreado" e um "ambiente de trabalho hostil" na empresa, informa a revista Forbes. Ela cita ainda "ambiente semelhante a um pesadelo".

Segundo Cloud, o seu superior a abraçou e massageou enquanto fazia comentários rudes e sugestivos. Ela completa dizendo que após a denúncia, começou a sofrer retaliação por seu comportamento.

Berraza também alegou que sofreu represálias devido à denúncia. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários