Presidente Jair Bolsonaro (PL)
Reprodução
Presidente Jair Bolsonaro (PL)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta terça-feira (7), em um evento da Confederação Nacional da Indústria (CNI), que o governo federal é "devedor de favores" aos empresários brasileiros.

"Como é duro ser patrão no Brasil, eu sei disso. O salário é pouco para quem recebe e muito para quem paga. O que nós procuramos fazer desde o início do governo, com nossos ministros? Facilitar a vida de vocês. Vocês não devem nenhum favor a nós. Nós é que somos devedores de favores a vocês, quem emprega são vocês", disse ele, se dirigindo à plateia de empresários.

Bolsonaro afirmou que o governo só gera emprego através de concursos públicos ou de cargos em comissões. "Quem cria a massa de empregados que gera riqueza no Brasil são vocês. Nossa obrigação é ajudar vocês e não atrapalhar", concluiu.

O presidente ainda comentou que não permite "ativismo em cima da legislação trabalhista" no Tribunal Superior do Trabalho, justificando suas nomeações. "Alguém quer um ativismo em cima da sua legislação trabalhista? Olha o perfil das pessoas que eu, em lista tríplice, encaminhei para o Tribunal Superior do Trabalho. Será que se fosse outra pessoa, de outro perfil, como estaria o TST? Propenso a que lado? Ou isento", declarou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários