Ele pode ser usado como substituto do diesel em caminhões, gerar energia elétrica ou servir de insumo em fábricas. Empresas já investem nesse mercado
JORNAL O TEMPO
Ele pode ser usado como substituto do diesel em caminhões, gerar energia elétrica ou servir de insumo em fábricas. Empresas já investem nesse mercado

O desenvolvimento de um mercado de biogás, gerado a partir de resíduos agropecuários, como fonte de energia pode ajudar o Brasil a cumprir o compromisso de reduzir em 30% as emissões de metano até 2030, assumida pelo país ontem na COP-26, na Escócia.

Segundo estimativas da Associação Brasileira do Biogás (ABiogás), o Brasil tem potencial de produzir, até 2030, cerca de 30 milhões de metros cúbicos por dia de biometano, que pode ser usado como combustível com um potencial energético equivalente ao do gás natural fóssil.

Leia Também

Isso seria suficiente para tirar da natureza 36% das emissões de metano no país em menos de uma década, mais do que a meta estipulada em Glasgow.

O biometano pode ser usado como substituto do diesel em caminhões, como uma espécie de gás natural renovável, gerar energia elétrica ou servir de insumo para a fabricação de produtos como a amônia.

Empresas como Yara, L´Oreal e Scania apostam nessa nova fonte de energia. Conheça os projetos das empresas e como a produção de biometano pode ajudar o Brasil a reduzir suas emissões de gases do efetio estufa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários