Quem caiu na malha fina já pode ver se teve o pagamento regularizado
Reprodução: iG Minas Gerais
Quem caiu na malha fina já pode ver se teve o pagamento regularizado

A Receita Federal abre nesta sexta-feira (22) a consulta ao lote residual da restituição do Imposto de Renda (IR) de Pessoa Física 2021. Os contribuintes que caíram na malha fina do IR, mas depois regularizaram as pendências poderão receber em 29 de outubro.

A receita aponta que 292,7 mil contribuintes receberão R$ 448 milhões nessa data. Veja o passo a passo para consultar a restituição pelo site .

Desse total, R$ 169,234 milhões serão depositados para contribuintes com prioridade (idosos, pessoas com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e aqueles cuja maior fonte de renda seja o magistério).

A Receita informou os principais motivos de retenção na malha:

  • 41,4% - omissão de rendimentos sujeitos ao ajuste anual (de titulares e dependentes declarados);
  • 30,9% - deduções da base de cálculo (principal motivo de dedução - despesas médicas);
  • 20,0% - divergências no valor de IRRF entre o que consta em Dirf e o que foi declarado pela pessoa física;
  • 7,7% motivados por deduções do imposto devido, recebimento de rendimentos acumulados, e divergência de informação sobre pagamento de carnê-leão e/ou imposto complementar.

A Receita Federal havia informado que 869.302 contribuintes caíram na malha fina do Imposto de Renda 2021. 

Se o contribuinte quer saber se foi pego na malha fina, basta entrar na  página da Receita  ou no aplicativo e informar CPF e a data de nascimento. Depois no chamado e-CAC (Centro Virtual de Atendimento) acesse o "extrato" do Imposto de Renda.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários