Sócios da empresa beneficiada eram amigos do pai de Guimarães
Reprodução TV Brasil
Sócios da empresa beneficiada eram amigos do pai de Guimarães

Em meio à denúncias de uso político da Caixa Econômica Federal , o banco aprovou patrocínio para a WA Eventos e Promoções Esportivas, cujo proprietário William Urizzi de Lima e o sócio Alberto Klar, eram amigos do pai presidente do banco, Pedro Guimarães. A denúncia foi feita pela revista Crusoé. 

Klar, inclusive, foi professor de Natação de Guimarães. Em julho, a WA recebeu 495 mil reais da Caixa a título de patrocínio para um projeto inicial que visa ensinar crianças carentes a nadar.

A Crusoé, Urizzi explicou, que recebeu a ajuda graças ao apoio político de Guimarães: “O que nos ajudou foi que o presidente da Caixa, o Pedro Guimarães, é filho de um grande amigo meu, o Daltely Guimarães. E o próprio Pedro foi aluno do meu sócio, Alberto. Então (o dinheiro saiu), claro, principalmente pela convivência que nós tivemos com o pai dele, e pelo fato de o Pedro ter sido nadador e aluno do meu sócio”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários