Valores dependem da composição familiar
Redação 1Bilhão Educação Financeira
Valores dependem da composição familiar

Chegou o momento de os trabalhadores nascidos em maio — sem direito ao Bolsa Família — sacarem a sexta parcela do auxílio emergencial 2021. A retirada em dinheiro poderá sem feita em agências da Caixa Econômica Federal, casas lotéricas ou correspondentes Caixa Aqui a partir desta sexta-feira (dia 8).

O crédito para este grupo foi feito em contas poupanças sociais digitais no dia 25 de setembro. Desde então, o dinheiro vinha sendo movimentado pelo aplicativo Caixa Tem.

O app permite o pagamento de boletos (como contas de água, luz, gás e telefone) e de compras feitas em farmácias, supermercados e lojas (via cartão virtual gerado na hora ou QR Code).

Agora, os trabalhadores poderão também fazer transferências bancárias. Os valores do auxílio 2021 correspondem a R$ 150 (para quem mora sozinho), R$ 250 (para famílias com dois ou mais integrantes) e R$ 375 (para mães chefes de família).

Esses trabalhadores sem direito ao Bolsa Família se inscreveram para ter o benefício ainda em 2020. O cadastramento foi feito por aplicativo, site ou agência dos Correios.

São informais, desempregados, microempreendedores individuais (MEIs), autônomos e inscritos no CadÚnico sem direito ao programa social de transferência de renda, que continuam elegíveis ao pagamento em 2021.

CALENDÁRIO DA SEXTA PARCELA - TRABALHADORES EM GERAL

Datas de saque

  • Nascidos em janeiro - 4 de outubro
  • Nascidos em fevereiro - 5 de outubro
  • Nascidos em março - 5 de outubro
  • Nascidos em abril - 6 de outubro
  • Nascidos em maio - 8 de outubro
  • Nascidos em junho - 11 de outubro
  • Nascidos em julho - 13 de outubro
  • Nascidos em agosto - 14 de outubro
  • Nascidos em setembro - 15 de outubro
  • Nascidos em outubro - 18 de outubro
  • Nascidos em novembro - 19 de outubro
  • Nascidos em dezembro - 19 de outubro

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários