Economia global enfrenta escassez de contêineres
Divulgação/SPA
Economia global enfrenta escassez de contêineres

A gigante de material esportivo Nike alertou que pode sofrer atraso e até mesmo ficar com modelos de tênis em falto por conta escassez de contêineres que aflige a economia mundial. A oferta de transporte de mercadorias não conseguiu acompanhar o ritmo da retomada econômica. 

Além disso, a Nike está enfrentando problemas para encontrar trabalhadores na Ásia. Segundo o jornal britânico The Mirror, a crise afetará os tênis da Nike até a primavera do ano que vem.

Na semana passada, a Nike reduziu as expectativas de quanto vai vender este ano como resultado.

Em uma chamada pública, o diretor financeiro da Nike, Matthew Friend, disse: "Não somos imunes aos ventos contrários da cadeia de suprimentos global que estão desafiando a [fabricação] e a movimentação de produtos em todo o mundo. Esperamos que todos os locais sejam impactados por esses fatores."

As fábricas da Nike na Indonésia e no Vietnã produzem 75% de todos os seus calçados. No entanto, a fábrica do Vietnã perdeu 10 semanas de produção este ano devido ao bloqueio do coronavírus.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários