Kraft Heinz aguarda Cade para confirmar compra da brasileira Hemmer
Divulgação
Kraft Heinz aguarda Cade para confirmar compra da brasileira Hemmer

A americana Kraft Heinz fechou acordo para comprar a Hemmer, empresa brasileira de molhos, conservas e condimentos. A catarinense, com sede em Blumenau, amplia o portfólio da multinacional, agregando ainda azeites e bebidas. A transação, que não teve o valor divulgado, depende da aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

A combinação de negócios, explica o comunicado divulgado ao mercado nesta quinta-feira, é acelerar o crescimento das duas empresas, pela complementariedade do negócio.

No Brasil, a Kraft Heinz usa sua marca no segmento premium e mantém também a Quero — empresa de Jundiaí, interior de São Paulo, adquirida pela americana em 2011 — voltada para o mercado mais econômico.

“Juntar forças com a Hemmer nos oferece uma grande oportunidade de acelerar nossa estratégia de crescimento internacional centrada em Taste Elevation – nosso portfólio de produtos com alta qualidade e delicioso sabor que realçam o paladar da comida”, diz Rafael Oliveira, presidente da Zona Internacional da Kraft Heinz, em nota.

US$ 26 bi em vendas

Do lado da Hemmer, os ganhos virão com a rede de distribuição e atendimento da Krfat Heinz, o que inclui uma ponta para o setor de foodservice (bares, restaurantes e lanchonetes), que está em expansão.

Christian Luef, à frente da Hemmer, reafirma que a aquisição traz uma oportunidade de expansão à empresa.

No último ano, a Kraft Heinz alcançou US$ 26,18 bilhões em vendas. A companhia, uma das cinco maiores de alimentos e bebidas globalmente, nasceu em 2015, quando o brasileiro Jorge Paulo Lemann (da 3G Capital) e Warren Buffett, do Berkshire Hathaway, fusionaram a Heinz com a Kraft Foods.

Em março deste ano, Lemann deixou o Conselho de Administração da Kraft Heinz. Nos mais de cinco anos de operação, a companhia levou um tombo em valor. Recentemente, segundo a Bloomberg, vendeu várias marcas que estavam sujeitas à flutuações de preços de commoditties.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários