João Doria confirma volta de público aos estádios de São Paulo a partir de 1º de novembro
Lance!
João Doria confirma volta de público aos estádios de São Paulo a partir de 1º de novembro

O governo do estado de São Paulo suspende a partir desta terça-feira (17) a necessidade de restrições de público em estabelecimentos fechados, bem como limite de horário para funcionamento. Ainda assim, continuam obrigatórios o distanciamento social e o uso de máscaras. 

A previsão de liberação para torcida em estádios e shows com público em pé segue sendo 1º de novembro, quando o governador João Doria acredita que a imunização está mais avançada. 

De acordo com o Vacinômetro, 91% dos adultos com mais de 18 anos já foram imunizados com a primeira dose, no entanto, apenas 28,2% da população do estado está completamente imunizada. Hoje começam a ser vacinados os adolescentes de 17 a 12 anos.

Embora a maior parte do estado siga as recomendações do governador, seis cidades do ABC Paulista decidiram manter regras mais rígidas por medo de aumento de contaminações. A variante Delta segue preocupando autoridades sanitárias do país.

O que volta a funcionar sem restrição de horário?

  • Restaurantes, bares, cafés e lanchonetes;
  • Lojas, shoppings, galerias e outros comércios não essenciais;
  • Salões de beleza, barbearias e clínicas de estética;
  • Museus, cinemas, teatros e shows com público sentado;
  • Academias de ginástica, clubes e centros esportivos.
  • Serviços essenciais como supermercados, postos de gasolina, bancos e farmácias já estavam autorizados a operar em qualquer horário.

O que continua proibido?

  • Shows com público em pé;
  • Pistas de dança;
  • Torcida em estádios.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários