O presidente Jair Bolsonaro e o ministro do Emprego e Renda, Onyx Lorenzoni
Palácio do Planalto/Flickr
O presidente Jair Bolsonaro e o ministro do Emprego e Renda, Onyx Lorenzoni

Foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (28) a Medida Provisória (MP) que garante a recriação do Ministério do Trabalho e Previdência, cujo ministro será Onyx Lorenzoni. O braço direito de Jair Bolsonaro no Planalto ocupará sua quarta vaga no governo, já foi ministro da Cidadania, da Casa Civil, Secretário Geral da Presidência e agora cuidará do Emprego e Renda. 

O decreto foi assinado pelo Ministro Paulo Guedes, e representa o 23º ministério do governo Bolsonaro, que havia prometido, em campanha, governar com apenas 15. O ministério nasce robusto, com 13 secretarias e 7 conselhos e câmaras.

A 'mini reforma ministerial' promovida pelo presidente se deu em função da acomodação de Ciro Nogueira na Casa Civil, segundo interlocutores, "para melhorar o diálogo com o Senado". Com isso, o antigo ocupante do cargo, Luiz Eduardo Ramos, deve ir para o antigo posto de Lorenzoni, a Secretaria Geral Presidência. 

Ciro postou ontem (27) que aceitou o convite de Bolsonaro, que prometeu " a alma do governo" ao líder do Centrão. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários