Eduardo Rios Neto novo presidente do IBGE
Fernando Frazão/Agência Brasil o crédito
Eduardo Rios Neto novo presidente do IBGE

Bolsonaro  vetou R$ 29,1 bilhões do texto proposto pela Câmara dos Deputados para o Orçamento de 2021 . Entre os cortes, etão R$ 17,75 milhões que seriam destinados à realização do Censo de 2022 pelo IBGE . A partir da redução, a pesquisa torna-se inviável nesse período.

 De um total de R$ 71 milhões de orçamento para 2021, sobraram apenas R$ 53 milhões.

O ministro da Economia, Paulo Guedes , já havia defendido o adiamento do estudo, que deveria ter acontecido em 2020, mas foi atrasado em função da pandemia.

O orçamento original da pesquisa era de R$ 3,4 bilhões. Após alterações do relator do Orçamento, Márcio Bittar, sobrou apenas R$ 53 milhões. 

A ex-presidente do IBGE, Susana Guerra, que assumiu o instituto em fevereiro de 2019, indicada por Guedes, pediu demissão do cargo após reafirmar que com a verba atual o Instituto não se mantém.  

Uma das medidas planejadas para supostamente reduzir gastos foi diminuir o número de perguntas no questionário. Outra medida foi a suspensão do exame de contratação de agentes temporários. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários