Na B3, é possível comprar ações com valores baixos e começar a investir
iStock
Na B3, é possível comprar ações com valores baixos e começar a investir

Em meio à crise econômica provocada pela pandemia de Covid-19 , o medo entrar na fila do desemprego  aumentou. Várias empresas começaram a cortar gastos e dispensar funcionários para conseguir manter o faturamento durante o período.

Foi esse medo que fez o engenheiro André Barbosa a iniciar a sua trajetória nos investimentos. Assistindo a vídeos pela internet, tomou a decisão de comprar ações na Bolsa de Valores e garantir um pé de meia.

"Começou uma onda de demissões na empresa e tinha certeza de que seria atingido. Como sabia que o mercado de trabalho está complicado, resolvi começar a investir para conseguir segurar um tempo até achar outro emprego", conta.

Usando R$ 1000 de suas economias, o engenheiro se arriscou no mundo do day trade  - prática de compra e venda de ações no mesmo dia visando lucro. Atualmente, fatura, em média, R$ 500 por dia e se sustenta por meio dos investimentos.

"Aconteceu o que mais temia. Fui demitido. Mas, por sorte, tive as minhas economias conquistadas com os investimentos", lembra o engenheiro.

"Estipulei uma meta mínima por dia R$ 500 de faturamento na bolsa. Se tiver mais, é lucro", completa.

Marcelo iniciou sua trajetória em investimentos após casamento e nascimento do primeiro filho
Arquivo pessoal
Marcelo iniciou sua trajetória em investimentos após casamento e nascimento do primeiro filho

Garantir o futuro

O auxiliar administrativo, Marcelo Pereira também encontrou nas dificuldades o incentivo para começar investir. Após o casamento e o nascimento do primeiro filho, Pereira viu que precisava garantir o conforto do primogênito e ter uma reserva emergencial .

"Eu era uma pessoa que não tinha nenhuma educação financeira, acabava gastando mais do que ganhava, isso prejudicou muito o início da minha, da minha vida de casado, como chefe de família. Com o tempo, eu fui aprendendo, eu fui começando a perceber que eu precisava criar algo para os meus filhos tenho dois filhos e a minha ideia de começar a investir é que daqui a alguns anos eu possa, por exemplo, pagar uma habilitação deles", conta.

Você viu?

Os investimentos começaram em 2019 e cresceram no ano passado para conseguir manter o pagamento das parcelas da faculdade de direito. No começo, sem dinheiro, o estudante aplicou R$ 150 na B3. O pouco dinheiro investido já rendeu bons frutos para o jovem.

"Eu faço pequenas operações pela manhã, não todos os dias, tento fazer pequenas operações pela manhã e eu comecei pareça com cento e cinquenta reais. Cheguei a bater o valor de R$ 900", afirma.

“Estou investindo de pouco, tendo poucos retornos, mas como a minha meta é investir a longo prazo, eu imagino que trabalhando de pouco em pouco, devo chegar daqui a dez anos dando uma condição legal para os meus filhos”, completa.

Rodrigo Cohen abriu, recentemente, uma escola para ensinar a realizar investimentos; ele possui ainda um canal de economia no YouTube
Divulgação
Rodrigo Cohen abriu, recentemente, uma escola para ensinar a realizar investimentos; ele possui ainda um canal de economia no YouTube

Da para ficar rico na Bolsa de Valores?

De acordo com o investidor Rodrigo Cohen é possível ganhar dinheiro na Bolsa de Valores, mas deve ter responsabilidade.

"O maior investidor do Brasil, chamado Luís Barça, é bilionário. Ele começou a investir, se não me engano, com trinta anos na bolsa. E, hoje, ele é bilionário, só de investimento em bolsa. Eu sou investidor considerado agressivo, mas, mesmo assim, eu não tenho todo o meu dinheiro em bolsa de valores, né, eu tenho a chamada diversificação", explica.

"Na minha opinião, sim, dá para ficar rico só investir na bolsa. E você tem muito mais chance de ficar rico, só investir na bolsa, do que se você ficar rico, investir em outras modalidades, até mesmo com até mesmo imóveis", completa.

Cohen, que possui um canal no YouTube e abriu, recentemente, uma escola de investimentos, afirma que não é preciso ter medo de investir , basta definir metas para fazer o dinheiro render.

“Eu acho que a melhor forma de você despertar coragem as pessoas para investir é elas olharem o histórico, o que aconteceu, sempre, sempre, sempre, sempre, sempre, a bolsa sobe, entendeu?”, diz Cohen.

“Não tem motivo para pessoa ficar com medo. Ela tem que saber o seguinte, o dinheiro que eu vou botar na bolsa é ou não vai ser para curto prazo. O dinheiro para curto prazo eu boto na renda fixa. O dinheiro da bolsa, aquele dinheiro que eu vou pegar, como eu costumo dizer, pegar o dinheiro olhar para ele e falar, bem-vindo, nos vemos daqui a vinte anos. Um exemplo, e deixa o dinheiro lá e esquece de que ele existe”, ressalta o especialista. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários