jacquin
Reprodução/Youtube
Chef Erick Jacquin, jurado do MasterChef e estrela do programa "Pesadelo na Cozinha", teve restaurante fechado por não seguir protocolo

Em ação contra estabelecimentos comerciais que não estão seguindo os protocolos da reabertura na capital , a prefeitura de São Paulo lacrou 79 deles, incluindo o Président, renomado restaurante do chef francês Erick Jacquin, localizado nos Jardins.

Feita pela Subprefeitura de Pinheiros nesta terça-feira (11), a ação que fechou o restaurante de Jacquin começou com fotos tiradas por fiscais da reabertura no primeiro fim de semana em que os estabelecimentos puderam voltar a operar até as 22 horas. Imagens mostram clientes consumindo no Président às 22h39 do último sábado (8). Além de ter o restaurante lacrado, o chefe francês, mais conhecido no Brasil por ser jurado do programa MasterChef, terá de pagar multa de R$ 9.231,65 para cada 250 metros quadrados do local. Além de Jacquin, mais três outros donos de estabelecimentos terão a mesma punição.

A reabertura noturna vem causando dor de cabeça aos agentes da prefeitura de São Paulo. Na sexta (7), foram fechados 26 estabelecimentos que não seguiam as normas, número que aumentou para 32 no sábado. No domingo, mais 17 casas foram lacradas. Além de não seguirem o horário, alguns pontos comerciais também promoveram aglomerações .

O modelo de reabertura mais recente que foi divulgado pela prefeitura de São Paulo prevê que bares e restaurantes possam operar entre 11 e 22 horas, desde que sigam o limite máximo de seis horas diárias. Fica a cargo dos donos decidir se a operação será fracionada ou em apenas um período do dia. Para fechar às 22 horas, por exemplo, o estabalecimento só pode abrir as portas às 16h.

    Veja Também

      Mostrar mais