entregadores
Paulo Galo/Divulgação
Entregadores protestam na Avenida Paulista por melhores condições de trabalho

Os aplicativos de delivery, alvos da paralisação de entregadores nesta quarta-feira  (1), tiveram seu pior dia de avaliação pelos usuários desde junho de 2012 segundo um levantamento feito pelo Globo por meio do site Appbot, serviço de acompanhamento de avaliações em lojas de aplicativos.


Apenas nesta terça-feira, até as 17 horas, os cinco principais aplicativos que oferecem o serviço de entrega de refeições ou de produtos receberam 53.411 avaliações, e 96% delas deram 1 estrela para os aplicativos, a pior nota possível.

Durante a manhã, entregadores que trabalham com aplicativos de encomendas fizeram protestos nas ruas do Rio e de São Paulo. Os grupos reivindicam aumento da remuneração por entrega, da taxa mínima por corrida, fim dos desligamentos fim do sistema de pontuação, seguro para roubo ou acidente e auxílio-pandemia.

Os números refletem as avaliações feitas para os  aplicativos iFood, Uber Eats, Rappi, Loggi e James nas duas principais lojas de aplicativos, para celulares Android ou iOS.

A maioria dos usuários usou o sistema para expressar descontentamento com as empresas. Além de atribuir 1 estrela para os aplicativos, muitos deles também utilizaram o sistema de comentário.

“O app é útil e facilita a vida, mas é uma vergonha a forma como os entregadores são tratados. Sem eles vocês não são nada! Valorizem! Não adianta crescer e enriquecer as custas dos outros”, afirmou um deles.

O número de avaliações em apenas um dia também chama a atenção. Em todo o mês de junho, foram 110.369 avaliações. Apenas até o meio da tarde desta quarta-feira, o primeiro dia do mês, foram 53.411, quase a metade do que o mês anterior.

No caso do iFood, o maior dos cinco aplicativos pesquisados, o número de avaliações feitas até às 17h desta quarta-feira já era quase igual ao do total de junho: 25.404 apenas hoje em comparação a 29.629 no mês anterior.

As avaliações negativas vieram acompanhadas de vários comentários de apoio ao movimento dos entregadores. Segundo o site Appbot, as palavras “entregadores”, “condições”, “trabalhadores”, “apoio” e “melhores” foram as mais utilizadas.

Também foi bastante utilizada a hashtag #brequedosapps, que chegou ao topo dos assuntos mais comentados do Twitter no Brasil no começo da tarde.

Apesar da concentração de avaliações negativas em um dia, as notas dos aplicativos sofreram pouco no geral, em razão do número muito maior de avaliações nos últimos anos. Somados, os aplicativos já receberam 2.926.759 avaliações desde que entraram no mercado.

Portanto, as avaliações de hoje representam 1,8% desse total. No caso do iFood, por exemplo, a avaliação do aplicativo no Google Play caiu de 4,5 para 4,49 por causa da movimentação dos usuários durante esta quarta-feira.

    Veja Também

      Mostrar mais