Brasil Econômico

dólar
shutterstock
Dia foi de otimismo internacional e dólar caiu, apesar de tensões no Brasil

Nesta segunda-feira (22), o dólar emendou sua segunda queda consecutiva e fechou em R$ 5,27. Já o Ibovespa, índice da Bolsa brasileira, mudou o movimento que vinha tendo e caiu 1,28%, a 95.335,96 pontos.

A Bolsa vinha num ritmo de quatro altas seguidas. A queda do dólar em relação à moeda brasileira acompanhou uma tendência mundial na sessão de hoje, que foi favorável para as moedas de países emergentes ou ligadas à venda de matérias-primas.

O dia foi também de otimismo na economia mundial, que espera a retomada. Os Estados Unidos acreditam ter uma recuperação rápida com a reabertura da economia, mesmo que haja uma possível segunda onda da pandemia de Covid-19.

recuperação da industria no Brasil foi um indicativo positivo que ajudou a queda do dólar nesta segunda-feira, no cenário doméstico. No entanto, as tensões políticas envolvendo a prisão de Fabrício Queiroz – ex-assessor de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) – ainda geram cautela do mercado com relação ao Brasil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários