Vendas no varejo tiveram queda de 16,8% em abril, a maior em 20 anos, segundo o IBGE
Tomaz Silva/Agência Brasil
Vendas no varejo tiveram queda de 16,8% em abril, a maior em 20 anos, segundo o IBGE

As vendas no comércio varejista caíram 16,8% em abril, na comparação com o mês anterior, refletindo os efeitos do isolamento social para controle da pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2). É o pior resultado desde o início da série histórica, em janeiro de 2000, e a segunda queda consecutiva, acumulando uma perda de 18,6% no período. Os dados são da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), divulgada nesta terça-feira (16) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Leia também:

O recuo nas vendas no varejo atingiu, pela terceira vez desde o início da série, todas as oito atividades pesquisadas. A maior queda foi em Tecidos, vestuário e calçados (-60,6%), seguido de Livros, jornais, revistas e papelaria (-43,4%) e Outros artigos de uso pessoal e doméstico (-29,5%).

É a primeira vez que a pesquisa traz os resultados de um mês inteiro em que o país está no quadro de isolamento social , já que ele começou a ser adotado na segunda quinzena de março.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários