container
Foto: Reprodução
Na média diária, o valor significou um aumento de 10,4% em comparação com o mesmo mês de 2019

A balança comercial de fevereiro fechou com resultado positivo de US$ 3,1 bilhões, apesar dos casos de coronavírus que afetam o mundo e principalmente a China. Na média diária, o valor significou um aumento de 10,4% em comparação com o mesmo mês de 2019.

Coronavírus: com falta de peças, LG dá férias coletivas a trabalhadores

Os números de exportações e importações subiram. As exportações fecharam em US$16,3 bilhões contra US$15,7 bilhões no mesmo mês de 2019, uma variação de 15,5% pela média diária. As importações acompanharam com um aumento de 16,7%, de US$ 12,6 bilhões em 2019 para US$ 13,3 bilhões neste ano.

O crescimento nas exportações foi puxado por um aumento de 513,7% para o minério de cobre, algodão bruto, com 87% e carne suína, com 75% de crescimento em comparação com fevereiro de 2019.

Por causa do coronavírus, Latam suspende voos entre São Paulo e Milão

Exportações para a China, Hong Kong e Macau cresceram 20,9% por conta do petróleo bruto, carne bovina, suína e de frango, além de ferro fundido e minério de manganês, segundo o Ministério da Economia.

No acumulado do ano, o saldo é positivo de US$ 1,35 bilhões, já que o resultado da janeiro veio com o maior déficit desde 2015, fechando com US$ 1,7 bilhões negativos.

    Veja Também

      Mostrar mais