A adesão ao saque-aniversário do FGTS pode ser feito pelo aplicativo ou no site da Caixa
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
A adesão ao saque-aniversário do FGTS pode ser feito pelo aplicativo ou no site da Caixa

Os interesssados em receber o saque-aniversário do Funto de Garantia  do Tempo de Serviço (FGTS) devem aderir à modalidade até o dia 31 de dezembro deste ano. Quem não optar até essa data, terá que esperar até 2021 para receber a primeira parcela do novo saque.

Por meio do saque-aniversário, o trabalhador poderá fazer uma retirada anual da conta do Fundo de acordo com o mês em que nasceu. A adesão pode ser feita pelo aplicativo do FGTS , disponível para Android e iOS, ou no  site do FGTS na Caixa.

FGTS não é só para saques: veja como usar na compra da casa própria

 O valor do saque-aniversário  é definido por uma porcentagem do valor disponível no Fundo do trabalhador, mais uma parcela adicional. Veja a tabela:


Para quem já fez a adesão e pretende usufruir do benefício em 2020, a Caixa Econômica Federal já divulgou o cronograma do saque aniversário do FGTS. Confira:

Você viu?


A partir de 2021 o saque poderá ser feito no mês do aniversário do trabalhador.

Vale lembrar que quem optar pelo saque-aniversário não poderá receber o saldo total do seu FGTS caso seja demitido. A multa de 40% em caso de demissão sem justa causa, porém, permanece inalterada.  

Nascidos em novembro e dezembro já podem sacar R$ 998 do FGTS

 Caso o titular de conta não comunique ao banco o interesse em migrar, permanecerá na regra do saque-rescisão. Quem realizar a mudança só poderá retornar à modalidade anterior após dois anos a partir da data de solicitação, o chamado período de carência.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários