Brasil Econômico

mesa com calculadora e planilhas
Reprodução
Feirão oferece descontos que podem chegar a 90% da dívida, informa SPC Brasil

A partir desta quinta-feira (21), consumidores de 11 capitais e mais quatro cidades do interior do Brasil poderão limpar o nome e ainda sem sair de casa ou enfrentar filas.

As renegociações incluem em 15 praças : as capitais São Paulo, Belo Horizonte, Salvador, Fortaleza, Recife, Goiânia, Cuiabá, São Luis, Teresina, Rio Branco e Manaus e mais quatro cidades do interior: Feira de Santana (BA), Ibirité (MG), Pato Branco (PR) e Santo Antônio da Platina (PR)

Feirão do Serasa em novembro oferece até 98% de desconto nas dívidas e sem filas

O feirão on-line de renegociação de dívidas do SPC Brasil começa amanhã, vai até 15 de dezembro e o consumidor pode acessá-lo neste site

Os consumidores interessados podem verificar no site se as empresas em que estão devendo aderiram ao programa. São mais de 120 empresas , desde bancos, consórcios, operadoras de telefonia, construtoras, supermercados e empresas do comércio e do ramo de serviços.

Veja também: Casa própria: Caixa reduz ainda mais a taxa de juros de financiamento

Elas oferecem condições especiais para quem estiver interessado em regularizar as pendências. As facilidades contemplam desde um desconto no valor da dívida , que em alguns casos podem chegar a 90%, até a possibilidade de um parcelamento maior ou um novo prazo para quitação.

Como funciona

Para participar, o consumidor deverá fazer um cadastro no site . Após receber a confirmação de autenticidade, tem a opção de consultar o seu CPF, gratuitamente, para verificar se há pendências e se elas estão disponíveis para renegociação.

Caixa reduz taxa de juros do cheque especial a 4,99% ao mês

Também é possível acompanhar o andamento de sua negociação de forma on-line, realizar o download do boleto com as novas condições ofertadas pelo credor e ser lembrado quando estiver perto do próximo vencimento.

“A praticidade em não ter de se deslocar até uma agência bancária ou uma loja para se tentar um acordo com o credor são benefícios bastante atraentes. Os canais digitais já se consolidaram nas transações bancárias e nas compras on-line, agora é a vez das renegociações de débitos ganharem mais espaço nessas plataformas”, avalia o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior.

Avalie suas possibilidades antes de fechar acordo

prateleiras com produtos de Natal
Rovena Rosa/Agência Brasil
Consumidor inadimplente renegocia dívida no fim do ano para comprar com responsabilidade no Natal, diz presidente do SPC Brasil

Pellizzaro Junior destaca que o fim de ano é o momento ideal para o consumidor colocar as contas em dia, tendo em vista o pagamento do 13º salário e a recente liberação dos recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

“Quem está inadimplente deve priorizar o pagamento de dívidas com esse dinheiro. Estamos nos aproximando das festas natalinas, que é um período em que todos gostam de presentear e aproveitar as promoções. Para isso, é importante fazer um esforço para quitar as dívidas e consumir com responsabilidade para não reincidir nos atrasos ”, afirma o presidente.

Claro terá que pagar R$ 10 mil a cliente por cobranças excessivas, decide TJSP

Dados do SPC Brasil mostra que o  volume de consumidores com contas em atraso cresceu 1,58% no último mês de outubro na comparação com o ano passado. A maior parte das dívidas (53%) em aberto no país está ligada a instituições financeiras .

Já o comércio responde por uma fatia de 17% do total de dívidas, enquanto o setor de comunicação por 12% e as contas de água e luz por 10%.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários