Tamanho do texto

Para fazer a exclusão do sistema o consumidor precisa fornecer seus dados aos gerenciadores e fazer a solicitação de saída

shopping
shutterstock
Consumidores poderão solicitar a saída do cadastro positivo

Nesta terça-feira, entrou em vigor a lei que determina que pessoas físicas e empresas sejam incluídas automaticamente no cadastro positivo. Neste sistema, além dos dados negativos sobre os consumidores que já são computados pelos bureaus de crédito, serão incluídos também dados positivos de operações financeiras, como o pagamento de contas residenciais e a quitação da fatura do cartão de crédito.  

Leia também: Entenda como funciona a lista de bons pagadores clicando aqui.

Mas e se o cliente não quiser ter seus dados divulgados? O que fazer para sair do cadastro positivo ? Quem não quiser fazer parte poderá pedir para sair do sistema.

Para isso, será preciso se cadastrar em um dos bureaus de crédito (como Serasa e SPC) e fazer a solicitação. Depois disso, outros bureaus serão comunicados do pedido de saída e também apagarão os dados do sistema (confira abaixo).

Uma vez excluído, se quiser entrar novamente no sistema, o consumidor poderá fazer o caminho inverso e pedir a inclusão a um dos bureaus de crédito. Mas, ao ser inserido novamente, ele somente terá seus dados disponíveis a partir desta segunda inclusão. Assim, vai demorar um certo tempo para que se forme um banco de dados positivo a respeito.

Com as informações do cadastro positivo, a expectativa é que as instituições financeiras tenham mais informações sobre os clientes, o que, em tese, facilitaria o acesso ao crédito e reduziria o spread bancário (diferença entre o que os bancos pagam para captar recursos e o que cobram nos empréstimos oferecidos aos clientes).

Vale lembrar, porém, que para que o cadastro positivo entre de fato em funcionamento, será necessário que o Banco Central (BC) faça uma regulamentação, que ainda não tem data para ser publicada.

Veja o que é preciso para sair em cada bureau de crédito :

Boa Vista Serviços

É possível sair do sistema por meio do site www.consumidorpositivo. com.br . É preciso se cadastrar, passar pelo processo de autenticação e fazer sua autoconsulta no cadastro. Ao final do relatório positivo, haverá um botão com opção de cancelamento.

Também é possível fazer o pedido no balcão de atendimento. O consumidor deve comparecer a um dos postos de atendimento da Boa Vista, munido de documentos originais: CPF e RG (ambos obrigatórios) — ou somente Carteira Nacional de Habilitação (CNH) — e solicitar o cancelamento de sua participação no cadastro positivo, após preencher um termo correspondente que lhe será fornecido no local.

Outra opção é fazer o procedimento por telefone (tel.: 11-3003-0101). É feito um processo de confirmação de identidade e efetuado o cancelamento.

Quod

É possível pedir a exclusão do cadastro positivo por meio site https://consumidor.quod. com.br/sair-cadastro-positivo  . Na página, está descrito o passo a passo.Outra opção é ligar para 3003-QUOD (3003-7863).

Serasa Experian

Leia também:  Especialista comenta sobre cadastro positivo: "É positivo para quem?"

Há canais diferentes para o cancelamento do cadastro de pessoas físicas e jurídicas no cadastro positivo . Consulte.