Tamanho do texto

No último reajuste, que aconteceu em dezembro do ano passado, Gol subiu 17,1% preço das passagens vendidas à Smiles; milhas subiram 16,6%

Avião da Gol
Divulgação/Gol
Reajuste feito pela Gol e Smiles será baseado em contrato firmado em 2012


A Gol Linhas Aéreas e a Smiles comunicaram, nesta segunda-feira (29), que vão iniciar o processo de reajuste do preço de suas passagens aéreas padrão e compradas com milhas. As informações foram divulgadas pela Smiles, empresa de redes de fidelidade de clientes controlada pela companhia aérea.

Leia também: Bolsonaro pede que Banco do Brasil reduza juros e ações passam a cair

Segundo a empresa, o reajuste será feito baseado no contrato firmado entre as duas empresas em 2012, que ficará em vigor até 2032. "Após o novo preço das passagens padrão e das milhas ser calculado nos termos do referido contrato, tais reajustes serão submetidos à aprovação do comitê independente e do conselho de administração da Smiles ", afirmou.

De acordo com o diretor-presidente da Smiles, Leonel Dias de Andrade Neto, o reajuste ocorre sempre em dezembro, mas que o ajuste intermediário pode acontecer.

Leia também: Bolsonaro desmente chefe da Receita: "nenhum novo imposto será criado"; assista

Em dezembro do ano passado, a Gol aprovou reajuste de 17,1% no preço de passagens vendidas à Smiles. No caso de milhas vendidas pela Smiles à Gol, o reajuste foi de 16,6%.