Tamanho do texto

Restituições são referentes aos exercícios praticados no período entre 2008 e 2018; valores ficam disponíveis no banco para serem retirados por um ano

Receita Federal liberou pagamentos do novo lote de restituições do Imposto de Renda
shutterstock
Receita Federal liberou pagamentos do novo lote de restituições do Imposto de Renda

A Receita Federal paga, nesta sexta-feira (15), R$ 401 milhões em restituições do Imposto de Renda (IR). Na última semana, haviam sido liberadas as consultas a esse lote da restituição , que é referente aos exercícios do período entre 2008 e 2018.

Para consultar a situação da sua declaração, é preciso acessar a  página da Receita Federal na internet ou ligar para o Receitafone, no número 146. Há também um aplicativo para ser utilizado em tablets e smartphones, para facilitar as consulta às declarações do Imposto de Renda , além da situação cadastral no Cadastro de Pessoa Física (CPF).

Ao todo, 142.698 contribuintes receberão R$ 401 milhões em restituições do IR. O dinheiro será depositado na conta bancária indicada pelo contribuinte ao fazer a declaração. Desse total de beneficiados, 4.498 são idosos acima de 80 anos, 27.767 têm entre 60 e 79 anos de idade, 2.815 têm alguma deficiência física ou mental ou doença grave e 8.682 têm o magistério como a maior fonte de renda.

O valor é corrigido pela taxa básica de juros, a Selic , mas, após cair na conta, não recebe nenhuma atualização. A correção vai de 5,68%, correspondente ao ano de 2018 a 107,8%, que diz respeito a 2008.

Como fazer o resgate da restituição do Imposto de Renda?

Confira como resgatar a restituição do Imposto de Renda
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Confira como resgatar a restituição do Imposto de Renda

Depois de acessar o site da  Receita Federal , é possível visualizar o extrato da declaração e checar se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Caso haja divergências, o contribuinte precisa fazer a autorregularização, com a entrega de uma declaração retificadora.

Se tudo estiver certo, a restituição ficará disponível no Banco do Brasil (BB) durante um ano. No caso de o contribuinte não realizar o resgate dentro desse prazo, será preciso preencher um requerimento na internet por meio do "Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição", ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Leia também: Previdência terá idades mínimas de 65 anos para homens e 62 para mulheres

Caso o valor da restituição do  Imposto de Renda  não seja creditado em sua conta, o contribuinte deve contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos). Com a utilização desses meios, é possível agendar o crédito em conta-corrente ou poupança em qualquer banco.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.