Tamanho do texto

Lote contempla cerca de 2,2 milhões de pessoas, totalizando a liberação de mais de R$ 2,7 bilhões; Receita também liberou restituições residuais

Brasil Econômico

O crédito bancário para os contribuintes contemplados no quarto lote do Imposto de Renda da Pessoa Física de 2017 está disponível a partir desta sexta-feira (15). O lote contempla cerca de 2,2 milhões de contribuintes, totalizando a liberação de mais de R$ 2,7 bilhões. Também foram liberadas restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2016. Ao todo, foi liberado crédito bancáiro para 2,356 milhões de pessoas.

Leia também: Jovens são os mais afetados pela crise econômica, indica Ipea

De um total de R$ 3 bilhões , R$ 179,1 milhões estão relacionados a depósitos para contribuintes com preferência para receber, sendo 40.429 idosos e 5.026 pessoas com algum tipo de deficiência ou moléstia grave. Para saber se a sua restituição do Imposto de Renda foi liberada, acesse a página da Receita na internet ou ligue para o Receitafone por meio do número 146.

Para saber se teve a declaração do Imposto de Renda liberada, acesse a página da Receita na internet
shutterstock
Para saber se teve a declaração do Imposto de Renda liberada, acesse a página da Receita na internet

Leia também: Passageira recebe US$ 4 mil para deixar avião e pegar outro voo após overbooking

Na consulta ao serviço e-CAC pela página da Receita Federal, é possível acessar o extrato da declaração e checar eventuais inconsistências de dados. Se alguma informação estiver incorreta, o contribuinte pode realizar uma autorregularização, mediante entrega de uma declaração retificadora. A Receita disponibiliza, ainda, um aplicativo para smartphones e tablets.

Disponível para aparelhos Android e iOS, o app permite consultar diretamente nas bases de dados informações sobre a liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF. A restituição do Imposto de Renda fica disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la pela internet no site da Receita.

Leia também: Conheça empresas que priorizam o atendimento personalizado

Para isso, basta acessar o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF (Declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física). Se o valor não for creditado, compareça a uma agência do Banco do Brasil ou ligue para a Central de Atendimento, por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança em seu nome.

* Com informações da Agência Brasil.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.