Tamanho do texto

Queda nominal registrada foi de 0,68% em novembro em relação a outubro; no acumulado do ano, aluguel caiu 3,30%

São Paulo e Rio de Janeiro tiveram as maiores quedas de preços na comparação mensal
iG São Paulo
São Paulo e Rio de Janeiro tiveram as maiores quedas de preços na comparação mensal

O preço médio do aluguel de imóveis em nove cidades brasileiras (São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Salvador, Porto Alegre, Curitiba, São Bernardo do Campo, Campinas, Santos) apresentou uma queda nominal de 0,68% no mês de novembro em relação a outubro. É a sétima queda nominal seguida registrada nos valores, o que representa um acumulado de 3,30% de queda no preço do aluguel em 2015. Os dados são do Índice FipeZap de Locação, mensurado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas em parceria com a empresa Zap. 

No acumulado de 12 meses, o índice apresentou uma variação de -3,23%. Essa foi a sexta queda nominal consecutiva quando comparado esse período. Já a queda real do preço médio em 12 meses foi de 11%, considerando que a inflação acumulada medida pelo IPCA foi de 10,48%. As cidades de São Paulo e Rio de Janeiro tiveram as maiores quedas de preços na comparação em 12 meses, -2.74% e -8.25% respectivamente. São Bernardo do Campo foi o local que apresentou o maior aumento nessa comparação, 2.76%.a de 0.76% e o Rio de Janeiro caiu 0.91%. A maior alta foi registrada em Curitiba (1.29%).

O preço médio para locação por metro quadrado nas nove cidades pesquisadas em novembro (São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Salvador, Porto Alegre, Curitiba, São Bernardo do Campo, Campinas, Santos) foi de R$ 32,29 ao mês. A cidade que apresentou o metro quadrado mais caro foi o Rido de Janeiro (R$ 37,85/mês), seguida por São Paulo (R$ 36,04/mês). Já O aluguel mais barato, foi identificado em Curitiba (R$ 16,38/mês).

Os preços medidos pelo índice são os de novos aluguéis, em outras palavras, o Índice FipeZap de Locação não mede a variação de contratos vigentes.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.