Tamanho do texto

Bandeira do ministro Paulo Guedes, a mudança foi rechaçada por deputados e excluída do relatório de Samuel Moreira (PSDB-SP) na comissão especial

Paulo Guedes arrow-options
Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Paulo Guedes, ministro da Economia, defende a retomada da capitalização na nova Previdência

Além de tentar reincluir estados e municípios na reforma da Previdência, o governo articula para retomar a capitalização, sistema de aposentadorias no qual cada trabalhador poupa para financiar sua própria aposentadoria no futuro, já na próxima etapa de tramitação, no Senado.

Leia também: Previdência: após a Câmara, quais os próximos passos da reforma no Senado

 O ministro da Economia, Paulo Guedes , pediu ajuda aos senadores para reincorporar o tema ao texto-base da proposta. O assunto já está sendo discutido com o provável relator da reforma na Casa, Tasso Jereissati (PSDB-CE).

A capitalização estava prevista no projeto original enviado ao Congresso pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), em fevereiro, mas foi excluída do relatório do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) na comissão especial da Câmara.

Leia também: Texto-base da Reforma passa em 2º turno na Câmara; veja como votou cada deputado

O governo discute agora qual seria a melhor maneira de retomar o tema no Senado , já que a mudança, rechaçada pelos deputados, precisaria da aprovação deles para se tornar lei. Por mais que o Senado possa alterar a proposta, os trechos mexidos retornam para a Câmara .