Tamanho do texto

Colunista do iG e especialista na área condominial há mais de 18 anos, Roberto Piernikarz aborda o tema “Eventos em condomínios e seus benefícios - do planejamento à execução”

Com a "reta final" do ano se aproximando, nada mais justo do que tratarmos de um assunto muito comentado nesse período - Os eventos de final de ano e festas em condomínios.

Leia também: Moradores da terceira idade: os cuidados que os condomínios devem ter com idosos

Saiba tudo sobre festas em condomínio
Agência Brasil
Saiba tudo sobre festas em condomínio

Muito embora as festas em condomínios sejam talvez a mais desejadas, esperadas e comentadas durante o ano todo, é importante ressaltar que esta não é a única confraternização que se pode fazer no seu condomínio, e que nem sempre ela gera somente custos para os moradores! Ao longo deste artigo, vamos falar sobre os eventos privados dos condôminos e sobre as confraternizações coletivas, e como estas podem até contribuir em termos de receita para sua gestão.

Em primeiro lugar, é importante lembrar que os condomínios têm regras específicas para eventos, que devem estar registradas na convenção e regulamento interno, conhecer essas regras é o primeiro passo para que seu evento seja um sucesso. Vale lembrar também do bom senso… Os playgrounds por exemplo, às vezes não fazem parte da área do salão de festas, mas isso não quer dizer que você terá que proibir seus convidados de o utilizarem, desde que os moradores o possam fazer ao mesmo tempo, ainda que não tenham sido convidados à sua comemoração.

Agora, vamos falar dos eventos coletivos que podem ser realizados no seu condomínio. Estes são de suma importância, já que além de promoverem uma boa comunicação e harmonia entre os condôminos, pode acabar gerando receita para a gestão do empreendimento.

Em tempos em que a economia colaborativa está em alta, aliada à crescente necessidade de comodidade e conforto que tanto buscamos nos dias de hoje, as administradoras de condomínio e os síndicos devem estar atentos às novas tendências, de forma a tornar a vida dos condôminos mais fácil, oferecendo soluções que beneficiam tanto o morador quanto o empreendimento.

Os eventos coletivos em condomínios podem ser recorrentes e "de conveniência", ou simplesmente comemorações de datas festivas. Uma feira orgânica que acontece semanalmente no prédio por exemplo, pode ser uma ótima alternativa de conveniência para os condôminos, além do que, se for bem negociado, a empresa organizadora pode reverter parte da receita para o próprio empreendimento, ou até mesmo pagar ao prédio um aluguel pelo espaço, o que traz receita direta do condomínio, e pode acabar suprindo outras necessidades de gestão que não são feitas por não existirem recursos suficientes…

Leia também: Condomínios podem pagar muito caro por não guardar documentos

A respeito de datas comemorativas, pode parecer que isso só traz despesa ao condomínio, mas se feito com planejamento, a história pode ser bastante diferente. Um recurso que tem sido bastante utilizado pelos empreendimentos, é transformar suas datas comemorativas em espaços de propaganda para empresas parceiras, que patrocinam estes eventos no intuito de trazer demanda para seus negócios. Uma empresa de canal fechado por exemplo, pode bancar uma festa junina de um prédio e colocar seus consultores tirando pedidos de assinatura de TV, e isso é algo que beneficia mutuamente os dois lados; Uma montadora de veículos, pode patrocinar um evento para em contrapartida colocar um carro exclusivo para test drive para os moradores, e assim captar mais clientes, e por aí vai.

Hoje já existem empresas especializadas em condomínios, que fazem inclusive a gestão anual das verbas e patrocínios, montando planejamentos que gerem receita a seus clientes e transformam a vida em conjunto numa tarefa mais fácil e harmoniosa, por fazerem com que as pessoas se conheçam e se respeitem.

Assim, como de costume, separamos aqui algumas dicas de ações e eventos que podem ser realizados de forma a trazer benefício real à sua gestão:

Faça uma agenda anual dos eventos que pretende realizar, considerando datas, orçamentos, etc. alguns eventos interessantes seriam por exemplo: Carnaval; Festa junina; Halloween; dia das crianças; dia dos pais; dia das mães; feira orgânica; torneios esportivos; aulas e cursos para diversos públicos, entre outros;

Crie um fundo de eventos onde se deposita uma quantia mensal para que seja utilizada nessas datas, mas não esqueça de colocar isso na previsão orçamentária anual para ser aprovada em AGO (Assembleia Geral Ordinária);

Procure empresas especializadas na montagem desses eventos e na captação de patrocínios, isso pode trazer muita facilidade e até mesmo custos menores do que se você se aventurar a montar tudo sozinho;

Monte uma comissão de moradores que auxilie na formatação, planejamento e execução desses eventos;

Procure criar parcerias de patrocínio com empresas na região de seu empreendimento, trocando espaços de publicidade, possibilidade de vender alimentos e bebidas nos eventos, etc. por patrocínio, de forma a bancar outros eventos ou até mesmo necessidades que não são resolvidas por falta de caixa;

Leia também: Como o eSocial vai mudar a maneira como administramos nossos condomínios

Faça enquetes periodicamente, a fim de compreender melhor o seu público e realizar eventos que realmente sejam relevantes para seus condôminos;

Solicite à administradora do seu empreendimento que os auxilie com a busca de empresas parceiras, patrocínios, etc;

Monte cursos e negocie percentuais para o condomínio, ou mesmo um aluguel de espaço que gere receita recorrente;

Utilize a frequência nas assembleias para solicitar patrocínio em troca de disponibilizar espaço de venda nas mesmas;

Por fim, procure especialistas, troque ideias com outros síndicos, com a sua administradora, fale com seus condôminos, enfim, tente compreender o perfil e o tipo de festas em condomínios que melhor se encaixam, descubra quais são as prioridades do seu "eleitorado" e planeje tudo com antecedência!! Assim você terá muito mais chances de sucesso, além de ser sempre lembrado pelos seus vizinhos positivamente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.