Tamanho do texto

Para consultor, o primeiro passo antes de sair de seu emprego atual e partir para uma nova área é analisar sua carreira e estabelecer novos objetivos

Alto nível de desemprego no Brasil é uma das barreiras para está insatisfeito no emprego atual e deseja mudar de profissão
Shutterstock
Alto nível de desemprego no Brasil é uma das barreiras para está insatisfeito no emprego atual e deseja mudar de profissão

Mudar de profissão é um desafio para boa parte das pessoas que já estão consolidadas em suas áreas de atuação. Para muitas, o principal obstáculo é o medo de não conseguir uma recolocação depois de sair do atual trabalho em um mercado com 12,7 milhões de desempregados , segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Leia também: Está com dúvidas? Conheça exercícios que podem ajudar na decisão da carreira

Segundo o consultor em gestão e liderança, Renato Grinberg, algumas ações podem ajudar a fazer uma transição de carreira com mais tranquilidade. A primeira delas é realizar uma análise sobre o que você quer para sua vida profissional e onde você deseja chegar. Para ajudar quem pensa em mudar de profissão , ele listou cinco dicas que podem ajudar quem precisa de um empurrãozinho para tomar essa decisão. Confira:

Estabeleça objetivos que possam ser alcançados

Para Grinberg, é importante que o profissional tenha em mente que sonhos e objetivos são coisas bem diferentes. "Se você quer ir atás do seu objetivo, muitas vezes você precisará, sim, abandonar o sonho e ser maduro para transformar seu objetivo em algo palpável. É importante entender esse risco e entender o quanto você tem disposição para enfrentá-lo", afirma.

Analise se é o momento de mudar

O consultou afirma, ainda, que a insatisfação no seu trabalho atual é o principal indicativo de pode ser o momento de mudar de profissão. "Se tudo o que você está fazendo não conduz você para seus objetivos, então é hora de mudar. Mas é preciso ter um alvo. Tem gente que só troca de empresa, mas não está evoluindo. Sem um objetivo, qualquer coisa serve".

Leia também: Confira 7 dicas para ser mais produtivo ao trabalhar com home office

Não tenha medo de fracassar

Em muitos casos, as pessoas trabalham com a ideia de que qualquer esforço, dedicação e risco para melhorar a situação não compensa. Com isso, acabam perdendo boas chances de se reinserirem no mercado. "Por esse motivo, a dica aqui é clara: não tenha de fracassar e tentar algo novo! Ao se dedicar a essa mudança, a oportunidade de crescimento e satisfação profissional podem estar mais próximas do que você pensa", diz Grinberg.

Saiba que talvez seja preciso dar passos para trás

Ao mudar de carreira, é normal que você tenha que provar algo antes de subir. "Quando você vai tocar uma peça musical complexa, você começa com pequenos pedaços. Se desistir, nunca verá aquilo se transformar na música", exemplifica. Portanto, dar um passo para trás na carreira pode, no final das contas, ser uma atitude necessária para você conquistar esse objetivo posteriormente.

Leia também: Conheça 5 plataformas de cursos online para alavancar sua carreira profissional

Seja otimista

Para Grinberg, a dica mais difícil de ser seguida por quem pretende mudar de profissão é não ficar pensando que os planos não darão certo. De acordo com o consultor, o ideal é investir nesse momento de transição para que você tenha mais chances de alcançar seus objetivos. "O dar certo ou dar errado será uma consequência que você não poderá controlar, mas que com certeza será de suma importância para o seu crescimento".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas