Chuvas em PE: parcela antecipada do BPC será descontada em 36 meses
Portal Oficial do Governo do Estado de Alagoas
Chuvas em PE: parcela antecipada do BPC será descontada em 36 meses

O ministro da Cidadania, Ronaldo Bento, falou nesta quarta-feira (1º) sobre a antecipação de uma parcela do Benefício de Prestação Continuada (BPC) para habitantes de  municípios atingidos pelas fortes chuvas. A previsão é que as chuvas continuem por mais 60 dias.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

Segundo Bento, o valor de R$ 1,2 mil será liberado para habitantes de municípios que decretaram estado de calamidade pública. Idosos e deficientes terão prioridade no pagamento. O ministro informou que essa antecipação de uma parcela do BPC será descontada ao longo de 36 meses, sem quaisquer juros, encargos ou outros tipos de ônus para os beneficiários. Com o prazo estabelecido, o desconto para pagar a antecipação será de R$ 34 ao mês.

"O objetivo do governo federal é que a assistência à essas famílias não falte".

Ronaldo Bento falou também sobre a construção de alojamentos temporários para as vítimas desabrigadas, coordenada pela pasta.

"A primeira função do Ministério da Cidadania nesta crise é ajudar o município na construção de alojamentos provisórios para receber toda essa população que ficou desalojada ou desabrigada. Já temos expertise na construção desses alojamentos. Ajudamos com recursos e, a partir daí, fazemos um tratamento com as famílias nessa situação", explicou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários