Nubank recebeu aporte de US$ 650 milhões para crescer ainda mais, agora fora do país
Felipe Moreno
Nubank recebeu aporte de US$ 650 milhões para crescer ainda mais, agora fora do país

O Nubank começou suas atividades no Brasil, mas também está presente no México e na Colômbia. A empresa quer expandir suas atividades e conquistar mais clientes nos dois países. Para isso, ela vai contar com um “empurrãozinho”: uma linha de crédito de US$ 650 milhões.

O financiamento de três anos será feito em moeda local e virá de Morgan Stanley, Citi, Goldman Sachs e HSBC. Os bancos participaram do IPO do banco, realizado em dezembro de 2021.

A empresa diz que o dinheiro será investido no desenvolvimento de tecnologia e inovação de produtos, no crescimento da base de clientes e na atração dos melhores talentos da região.

Nubank conquista 1,5 milhão de clientes em três anos

O Nubank chegou ao México em 2019 e emitiu seus primeiros cartões no país em 2020. No final de 2021, a empresa já contava com 1,4 milhão de clientes e 94 pontos no índice de satisfação dos consumidores.

Leia Também

Na Colômbia, a situação é parecida: a companhia chegou em 2020 e entregou os primeiros cartões no começo de 2021. No fim do ano, já tinha 114 mil clientes. Ela está trabalhando em um centro de engenharia, produto e ciência de dados no país. O objetivo é se tornar líder do setor por lá.

Segundo informações da Reuters, David Vélez, presidente-executivo e um dos fundadores da empresa, disse que a empresa prepara o lançamento de contas correntes no México. O Nubank comprou o banco local Akala.

Sem entrar em detalhes, Vélez também comentou que a presença no Brasil dá uma “ideia interessante” do caminho da empresa no México e Colômbia nos próximos cinco a 10 anos. Por aqui, o Nubank começou com cartões de crédito em 2013, mas já oferece contas bancárias, investimentos, seguro se empréstimos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários