Ministro brasileiro havia dito que o país vizinho 'virou o estado brasileiro mais rico'
Felipe Moreno
Ministro brasileiro havia dito que o país vizinho 'virou o estado brasileiro mais rico'

Sem citar nomes, o Ministério de Relações Exteriores do Paraguai rebateu o ministro da Economia brasileiro, Paulo Guedes, e disse no Twitter que o país "é e sempre será uma nação livre, soberana e independente". Na sexta-feira (18), ao comentar os impostos cobrados no Brasil, em um evento no Ceará,  Guedes afirmou que o Paraguai "virou o estado brasileiro mais rico".

"O Ministério de Relações Exteriores lamenta as expressões infelizes de um alto funcionário do governo brasileiro. O Paraguai é e será sempre uma nação livre, soberana e independente, e em homenagem a quem a defendeu heroicamente ao longo de sua história, não pode deixar passar por alto essas lamentáveis expressões", diz a mensagem no Twitter.

Na sexta-feira, Guedes disse:

"O Paraguai virou praticamente um estado brasileiro com imposto zero, cresceu, ficou rico porque se beneficia da escala brasileira exportando para o Brasil."

Segundo o ministro da Economia, os impostos altos no Brasil acabam levando negócios que poderiam ser feitos no país para o Paraguai:

"Se nós tivéssemos impostos baixos, os brasileiros não estavam indo pro Paraguai pra fazer soja, chicote elétrico. Tudo que está sendo feito lá, poderia estar sendo feito aqui e está sendo feito lá porque a gente tem imposto muito alto e o Paraguai inteligentemente baixou os impostos e virou o estado brasileiro mais rico, entre aspas, o que mais cresce."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários