Dólar
Lorena Amaro
Dólar

O Investimento Direto no País (IDP) em janeiro ficou com saldo positivo de US$ 4,7 bilhões, melhor resultado para o mês desde 2018, de acordo com o Banco Central (BC).

O resultado é 35,4% acima do registrado em janeiro de 2021 e superou a projeção do BC para o mês, que estimava entrada de US$ 3,2 bilhões.

O principal meio de entrada foi em participação de capital de empresas, com ingresso líquido de US$ 4,4 bilhões, além de US$ 307 milhões em operações intercompanhia.

A expectativa do BC para este ano é de recuperação em relação ao ano passado, quando US$ 46,4 bilhões entraram no país. A projeção para 2022 é de US$ 55 bilhões. Antes da pandemia, em 2019, o resultado foi de US$ 69,2 bilhões.

O IDP engloba investimentos duradouros no país, como a expansão da capacidade produtiva de uma fábrica ou investimentos em uma nova filial de uma empresa estrangeira. Por isso, depende que os investidores tenham segurança no momento de tomar as decisões.

A estimativa do Banco Central é de entrada de US$ 10 bilhões no IDP em fevereiro. Se confirmado, seria o maior volume a entrar em um mês de fevereiro desde o início da série histórica em 1995.

Leia Também

Leia Também

Mercado financeiro

No investimento em carteira no mercado doméstico, a entrada líquida foi de US$ 5,7 bilhões em janeiro, sendo US$ 2,2 bilhões em ações e fundos de investimentos e US$ 3,5 bilhões em título de dívida.

Entre no canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia 

A entrada desse tipo de recurso é mais volátil e depende de análises no exterior e dos humores do mercado.

Gastos com viagens

Com a vacinação e a flexibilização de medidas restritivas no Brasil e no mundo, as despesas e receitas com viagens vêm se recuperando nos últimos meses. Em janeiro, o gasto de estrangeiros no país foi de U$ 421 milhões, acima dos US$ 269 milhões registrados em janeiro de 2021.

Já os gastos de brasileiros no exterior chegou a US$ 690 milhões, mais que o dobro dos US$ 308 milhões registrados no mesmo mês do ano passado.

Esses números, no entanto, ainda estão longe dos que eram usualmente registrados antes do início da pandemia. Em janeiro de 2020, por exemplo, os gastos de brasileiros no exterior chegou a UR$ 1,4 bilhão e de estrangeiros no Brasil, US$ 674,5 milhões.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários