Quem processou INSS tem até abril para entrar na lista de precatórios
O Dia
Quem processou INSS tem até abril para entrar na lista de precatórios

Aposentados e pensionistas que ganharam ações contra o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e vão receber o pagamento em precatórios têm até o dia 2 de abril para entrar na lista e receber os valores em 2023. O prazo, que antes ia de 2 de julho até 1º de julho do ano seguinte, foi reduzido pela PEC dos Precatórios.

Quem não tiver nessa lista até abril só poderá receber o dinheiro a partir de 2024.

Os precatórios são dívidas públicas acima de 60 salários mínimos (R$ 72.720 em 2022). Entram na lista de pagamentos os cidadãos que têm vitória garantida na Justiça em todas as instâncias e que já passaram da fase de execução (quando o juiz faz o cálculo dos valores a receber).

Para ser pago em 2023, é preciso ter um precatório com ordem expedida entre 2 de julho do ano passado até 2 de abril deste ano.

Apesar disso, nem todos os inscritos nessa lista devem receber o dinheiro em 2023. A PEC dos Precatórios criou limites para o pagamento, que, em 2022, não deve passar de R$ 45 bilhões. A prioridade é para quem ganhou causas menores de até 60 salários mínimos (as chamadas Requisições de Pequeno Valor), idosos acima de 80 anos e pessoas com doenças crônicas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários