Sede da Superintendência da Receita Federal
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
Sede da Superintendência da Receita Federal

A Receita Federal vai abrir, na próxima segunda-feira (24), às 9h, a consulta a mais um lote residual de Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF). Essa nova leva de pagamentos vai contemplar restituições residuais de exercícios anteriores.

O crédito bancário será feito no dia 31 de janeiro — na conta indicada pelo contribuinte na declaração de IRPF — para 240.744 pessoas. O valor total depositado será de R$ 281.936.411,15.

Desse montante, afirma o Fisco, R$ 96.664.742,30 serão pagos a contribuintes que têm prioridade legal de recebimento da restituição, sendo 3.586 idosos acima de 80 anos, 28.358 pessoas entre 60 e 79 anos, 2.129 cidadãos com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 9.233 profissionais cuja maior fonte de renda é o magistério.

Foram incluídos ainda neste lote 197.438 contribuintes não prioritários que entregaram a declaração até 16 de janeiro deste ano.

Como fazer a consulta

Para saber se a restituição está disponível, é preciso acessar o site da Receita Federal, clicar em "Meu Imposto de Renda" e depois em "Consultar a Restituição".

Leia Também

A página ainda permite fazer uma consulta sobre a situação da declaração, por meio do extrato de processamento, acessado no e-CAC.

"Se identificar alguma pendência na declaração, o contribuinte pode retificá-la, corrigindo as informações que estejam equivocadas", explica a Receita.

Depósito não realizado

Se, por algum motivo, o crédito não for realizado na conta indicada (a conta foi encerrada, por exemplo), os valores ficarão disponíveis para resgate por até 12 meses, no Banco do Brasil (BB).

O interessado poderá contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a central de atendimento nos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos), a fim de agendar o crédito em conta-corrente ou poupança em seu nome, em qualquer outro banco.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários