Petrobras deverá ser notificada nesta segunda-feira (17)
Sophia Bernardes
Petrobras deverá ser notificada nesta segunda-feira (17)

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) abriu dois inquéritos para investigar a Petrobras por supostos abusos em reajustes dos combustíveis. A investigação foi aberta pelo presidente do Cade, Alexandre Cordeiro, com base em documentos e notícias sobre os diversos reajustes praticados pela estatal.

Desde o início de 2021, a Petrobras reajustou o valor dos combustíveis em cerca de 46%, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo. O último aumento foi registrado na última quarta-feira,  quando a estatal anunciou o reajuste de 5% da gasolina e 8% no diesel.

O processo foi instaurado na última quinta-feira (13), mas a Petrobras só deverá ser notificada nesta segunda-feira (17). A reportagem entrou em contato com a empresa para saber as providências em relação ao processo, mas não obteve retorno até o momento.

O Cade suspeita que a petroleira usou seu poder no mercado de combustíveis para abusar no reajuste no preço dos combustíveis. A investigação não tem prazo para ser concluída, mas a Petrobras poderá ser multada caso as suspeitas sejam confirmadas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários