Governo estuda pagar benefício de R$ 257 e depositar retroativos até o Natal
Divulgação/Ministério da Cidadania
Governo estuda pagar benefício de R$ 257 e depositar retroativos até o Natal

O governo federal tenta encontrar alternativas para efetivar o pagamento das parcelas de R$400 do Auxílio Brasil ainda neste mês. Para isso, o Palácio do Planalto pediu maior agilidade na promulgação da proposta, travada na Câmara após as diversas alterações feitas no Senado.

Em nota, o Ministério da Cidadania informou estudar alternativas para promulgar a matéria o mais rápido possível. Segundo a pasta, o pagamento do benefício inicia todo dia 10, por isso a necessidade de agilizar a sanção da proposta.

"O Ministério da Cidadania adotará as medidas necessárias para iniciar ainda neste mês o pagamento do valor complementar para garantir o repasse de pelo menos R$ 400 às famílias beneficiárias do Auxílio Brasil, novo programa de transferência de renda permanente do Governo Federal", disse.


Leia Também



"No momento, a pasta trabalha com a promulgação da PEC dos Precatórios para custear o pagamento", completou o Ministério.

Para a jornalista Carla Araújo, do UOL, um membro do Palácio do Planalto informou que se não houver solução nesta semana, o ministério poderá pagar os R$ 257 pagos em novembro, mas espera pagar os retroativos dos dois meses até o Natal.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários