Fábrica da volkswagen em Wolfsburg
Andreas Praefcke
Fábrica da volkswagen em Wolfsburg


Os 2,2 mil funcionários da fábrica da Volkswagen , em Taubaté (SP), terão férias coletivas entre 3 e 12 de maio. De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos, a decisão foi tomada para a implantação da plataforma de produção MQB, uma nova tecnologia usada pela empresa.

A medida, que vale para os funcionários dos dois turnos,  veio logo após o fim da produção do Up!, um dos modelos que eram produzidos na montadora. À época, o sindicato informou que aguardava a instalação da nova tecnologia que vai permitir a produção de novos modelos na planta.

Leia também

Atualmente, a unidade de Taubaté produz os modelos Voyage e Gol.

Em nota, a Volkswagen afirmou que "a concessão de férias coletivas para os empregados da fábrica de Taubaté trata-se de uma parada técnica para manutenção das linhas de produção".

Desde o início da pandemia, outras montadoras já interromperam suas atividades, totalizando 10. Algumas foram para conter o avanço da Covid-19 nos pátios das fábricas, como a montadora Nissan, que anunciou férias coletivas em seu complexo industrial de Resende, no Rio de Janeiro, paralisando a produção entre os dias 26 de março e 9 de abril.

A Scania e a Volvo também já tinham anunciado a paralisação da produção nas fábricas do ABC paulista. A alemã Mercedes-Benz informou que vai parar a fabricação de veículos nas fábricas de São Bernardo do Campo (SP) e em Juiz de Fora, Minas Gerais, devido a pandemia de Covid-19.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários