Benefício deve ser retomado no fim deste mês
Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Benefício deve ser retomado no fim deste mês

A Caixa Econômica Federal está preparando uma operação para realizar os pagamentos do auxílio emergencial . De acordo com fontes no banco, os depósitos poderão ser realizados após a publicação da medida provisória que retoma o benefício.

Com a aprovação da PEC Emergencial pelo Congresso Nacional , o governo espera assinar a MP até o fim da próxima semana. O Ministério da Economia irá destinar R$ 44 bilhões para o pagamento do auxílio.

As experiências do ano passado e a programação adiantada colaborou para a elaboração da operação de pagamentos. Os cadastros dos beneficiários já estão com a Caixa e só falta o acerto da divisão das parcelas.  

“Estamos terminando de validar todo o banco de dados dos vulneráveis que vão ser alvo desta medida”, disse o ministro da Cidadania, João Roma, ao  R7

"No início do programa, 68 milhões de pessoas chegaram a receber o auxílio, que finalizou com cerca de 56 milhões. Esses números diminuíram face ao cruzamento de informações para que sejam justamente estes recursos destinados aquelas pessoas que de fato precisam do auxílio emergencial”, ressaltou Roma.

Cerca de 40 milhões de pessoas devem receber a nova rodada de pagamentos do auxílio emergencial , sendo que 20 milhões participam de programas sociais do governo federal. O benefício será dividido em quatro parcelas, com valores entre R$ 175 e R$ 375. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários