Brasil Econômico

Com sede na China, o NBD é formado pelos países do Brics
Reprodução / BRICS
Com sede na China, o NBD é formado pelos países do Brics


Nesta terça-feira (9), O Novo Banco de Desenvolvimento (NDB), conhecido como banco dos Brics , desembolsou US$ 1 bilhão (cerca de R$ 5,4 bilhões) ao  governo brasileiro para fortalecer o combate à Covid-19 no país.

A transação já vinha sendo negociada desde 2020, mas a liberação só aconteceu neste ano devido a tramitação processual da verba. 

Você viu?

O dinheiro deverá ser destinado ao combate à crise sanitária no país e às suas consequências socioeconômicas, informou o banco de fomento. 

O financiamento do NDB faz parte de um programa de US$ 10 bilhões (cerca de R$ 54 bilhões) do banco contra a pandemia de coronavírus. O Brasil receberá 20% desse montante, o equivalente a US$ 2 bilhões (R$ 10,8 bilhões).

“A operação marca a conquista do governo brasileiro na colaboração com bancos multilaterais e agências de desenvolvimento no apoio à recuperação econômica”, diz o NDB em comunicado.

O bloco Brics é formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. São considerados os países emergentes - isto é, que estão em vias de se tornar potências globais. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários