Brasil Econômico

Vale
Reprodução/Facebook
Vale destinará R$ 11,8 bilhões para o pagamento de outorgas

A Vale informou a aprovação dos termos aditivos para que os contratos de concessão de suas ferrovias Estrada de Ferro Carajás e Estrada de Ferro Vitória a Minas sejam prorrogados a partir de seus términos, em 2027. 

Em fato relevante nesta quarta-feira (16), a Vale explicou que, nos termos, que devem ser assinados nos próximos dias, a empresa assumirá um total estimado de R$ 24,7 bilhões em compromissos , que devem ser executados até 2057 em troca da renovação.

Do montante, R$ 11,8 bilhões serão destinados ao pagamento de outorga .

"Os desembolsos para as prorrogações antecipadas de concessões ferroviárias já vinham sendo considerados no planejamento de longo prazo da companhia ", acrescentou a companhia.

Segundo a Vale, os documentos para a renovação serão assinados com o governo nos próximos dias.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários